App do Kindle ganha novo visual com atualização para Android e iOS

Amazon acaba de renovar o app do Kindle para iOS e Android, que “transforma qualquer dispositivo móvel em um livro”. As mudanças, distribuídas gradualmente segundo a própria companhia, foram lançadas hoje (24) e têm como grande chamariz o visual repaginado e mais interações sociais.

Ainda assim, segundo a CNN, o app continua sem a possibilidade de compra direta de títulos em iPhones e iPads

Segundo o release do grupo, ficou mais fácil acessar os capítulos ou realizar uma pesquisa rápida em sua biblioteca, já que o design faz com que essa troca seja contínua. A nova aparência das páginas foi inspirada nas tradicionais publicações de papel e os detalhes incluem capas maiores, mais opções de fontes e ícones e seleção de temas de fundo — claro ou escuro.

Kindle App

A barra inferior mostra automaticamente o que você está lendo e fornece conexão rápida aos recursos mais populares, como alternar entre seções, livraria pessoal e etc. É possível também utilizar a integração com a rede social literária Goodreads, que conta com milhares de resenhas.

Ainda assim, segundo a CNN, continua sendo impossível comprar títulos diretamente via iPhones e iPads, devido a divergências de negociação entre a Amazon e a Apple. Para fazer isso é necessário se logar à Amazon.com via navegador.

Baixe aqui para iOS e para Android. Confira um vídeo promocional:

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=qcv9kuLXgd4?start=0]

Cupons de desconto TecMundo:

via Novidades do TecMundo

Novo render do OnePlus 5T mostra mudança no visual do aparelho

Um novo vazamento trazido pelo SlashLeaks veio para saciar a curiosidade daqueles que estão ansiosos para ver mais do visual do OnePlus 5T. Na imagem, que você pode conferir mais abaixo, é possível ver uma renderização bastante detalhada do aparelho, mostrando uma tela que ocupa boa parte da frente do smartphone.

Obviamente, não é só nisso que vemos diferenças. O aparelho como um todo, de fato, parece cheio de mudanças em seu design, agora seguindo para uma aparência mais limpa e parecida com o que vemos em dispositivos como o iPhone 8. Outro detalhe interessante a ser notado é que, pelo visto, o sensor de digitais saiu da parte frontal e foi jogado para a traseira do smartphone.

Renderização OnePlus 5T

Achou algo de estranho no novo vazamento? Não é para menos; afinal, muitos devem se lembrar de que poucos dias atrás outras imagens trazidas pelo mesmo site traziam um design consideravelmente diferente, principalmente no que diz respeito aos botões laterais.

Visto que estamos falando apenas de rumores – e que há uma diferença considerável entre essa imagem e as informações trazidas anteriormente – é melhor não tomar nada como uma verdade absoluta.

Cupons de desconto TecMundo:

via Novidades do TecMundo

Imagens renderizadas sugerem o visual do novo iPad Pro

Nem só de rumores sobre o iPhone 8 e o iPhone 9 vive a Apple, afinal a Maçã tem uma diversificada linha de gadgets que é atualizada todos os anos. Assim, nada mais justo que a próxima versão do iPad Pro, por exemplo, também seja alvo dos boatos que antecipam o seu lançamento.

Depois de um vazamento que trouxe à público fotos de supostas capas do novo tablet, agora é a vez de imagens renderizadas com base justamente nas medidas dos cases tentarem antecipar o visual do gadget. O responsável pela imagem é o designer Benjamin Geskin, que publicou as fotos em sua conta do Twitter.

Apesar de nenhuma mudança radical no chassi do aparelho, é possível notar que o render sugere algo ainda mais refinado e delicado para o dispositivo de 10,5 polegadas, com alterações suaves e relativamente comuns em novos lançamentos da Apple. O grande destaque aqui fica por conta das bordas da parte da frente, ainda menores do que em versões anteriores do gadget.

Entretanto, vale lembrar que estas imagens são apenas suposições de um entusiasta, ou seja, não têm nada sequer de “extraoficial”. Mas não é de se espantar que os rumores relacionados ao novo tablet da Apple comecem a se tornar cada vez mais comuns, dando uma ideia quase exata do que vem por aí. Vamos ficar atentos.

%MCEPASTEBIN%

via Novidades do TecMundo

Moto G5S tem visual revelado em fotos vazadas

Moto G5s

Após divulgação não oficial de fotos dos aparelhos Moto C, Moto E3 e Moto Z2 Force, parece que a Lenovo não mudou sua postura para evitar que seus smartphones sejam vistos pelos consumidores antes dos anúncios oficiais. Desta vez o vazamento de imagens foi do Moto G5S, que, segundo o Android Autority, foram obtidas de uma fonte confiável.

As imagens sugerem que o aparelho será lançado em três opções de cores: cinza, dourada e azul-escuro, além de contar com acabamento lateral e da parte traseira em metal, conferindo um visual mais caprichado em relação ao design de alumínio com bordas plásticas dos Moto G5 e G5 Plus.

A foto também indica a presença do leitor de digitais na parte frontal do smartphone, bem como sua câmera, logo da Motorola e alto-falante para chamadas telefônicas. Na parte de trás, o Moto G5S possui o mesmo acabamento da linha Moto G5, contando com câmera e flash. Confira, abaixo, as fotos vazadas:

Fotos vazadas do Moto G5S

Não bastasse a divulgação das fotos do aparelho, há também o vazamento de uma apresentação de slides da Motorola que revelam que o Moto G5S terá tela de 5,2 polegadas com resolução 1080p, enquanto o Moto G5S Plus contará com display de 5,5 polegadas e 1080p.

Fonte: Android Authority

via Canaltech

Imagens de renderização antecipam visual do novo Galaxy J7 (2017)

O Galaxy J7 foi uma das gratas surpresas da Samsung para o ano de 2016, especialmente a sua versão Prime, que surgiu como uma ótima opção para quem buscava um intermediário bonito, barato e de qualidade. Ainda não foi confirmado oficialmente, mas a Samsung prepara um sucessor para o gadget do ano passado, e o Galaxy J7 (2017) até já deu as caras no banco de dados de testes de benchmark.

Agora, é a vez de colocarmos os olhos sobre aquele que deve ser o visual do aparelho. Quem trouxe as imagens de renderização à tona foi Roland Quandt, um analista já bastante conhecido por antecipar novidades do mercado de gadget e responsável inclusive por trazer as possíveis especificações do aparelho no início de fevereiro deste ano.

O ponto alto desta nova revelação é o retoque de design aplicado ao aparelho. É possível ver que a linha da antena nas costas do J7 ganhou um formato distinto, algo que acrescenta bastante ao aspecto estético da peça. A “cara” do dispositivo também parece estar mais semelhante à do Galaxy S7, ressaltando ainda um aspecto premium em sua construção.

Possíveis visual e cores do novo Galaxy J7 (2017).

Outra novidade revelada pela renderização do que pode ser o novo Galaxy J7 é a variedade de cores em que ele deve estar disponível. Se a imagem divulgada por Quandt estiver correta, o smartphone da Samsung deve vir em pelo menos quatro cores: azul, rosa, dourado e preto.

Possíveis especificações

Os principais rumores a respeito do J7 (2017) dão conta de um portátil com corpo de metal e tela AMOLED de 5,5 polegadas com resolução Full HD. Além disso, o gadget deve manter a câmera traseira com os mesmos 13 megapixels da versão anterior, mas com incremento na abertura, que passa de f/1.9 para f/1.7. A câmera frontal deve saltar de 5 MP para 13 MP e manter a abertura f/1.9, mas possivelmente virá acompanhada de flash.

Dando vida a tudo isso estará um processador Samsung Exynos 7870 octa-core de 1,5 GHz, GPU Mali-T830 e 3 GB de memória RAM e 16 GB de memória interna. Para manter tudo funcionando, o gadget deve vir com um tanque de bateria de 3.600 mAh. Ainda não há previsão de lançamento para o novo smartphone da Samsung.

via Novidades do TecMundo

Microsoft muda logo e visual do Outlook Groups

Outlook Groups

O Outlook Groups tem um novo visual. Sem alarde nem anúncio prévio, a Microsoft realizou nesta terça-feira (16) uma mudança completa na interface de seu aplicativo de produtividade, de forma a tornar sua usabilidade melhor. Apesar das alterações que acontecem em todo o software, inclusive no tradicional logo, novas funções não foram adicionadas.

Com um design que chega a lembrar um pouco o Messenger, do Facebook, o Outlok Groups aparece de forma mais simplificada, ao mesmo tempo em que tenta colocar todas as informações relevantes ao usuário em uma única tela. Links diretos para aplicativos permitem a continuidade do trabalho, enquanto cores sólidas fazem com que o design tenha consistência com o Android e outras ofertas de apps da própria Google.

O sistema de colaboração para usuários do pacote Office tem a ideia de unificar o trabalho e evitar confusões oriundas de diferentes versões de documentos e e-mails trocados apenas com alguns participantes das tarefas. A Microsoft resolveu isso com a utilização de grupos, com todos os convidados tendo acesso às mesmas informações, apontamentos de agenda e arquivos.

As ferramentas funcionam tanto no computador quanto em plataformas mobile, o que inclui, claro, sistemas operacionais que não são da Microsoft, como o Android e o iOS. Funcionalidades de chat e integração com o Skype completam o pacote de facilidades para os usuários.

Nesta semana, a Microsoft liberou uma atualização para o OneNote, seu software de tomada de notas, também de forma exclusiva para o Android. A iniciativa, que pareceu estranha, agora já faz certo sentido, uma vez que o aplicativo é um dos principais aliados do Outlook Groups, principalmente com suporte a conferências em áudio, onde os principais pontos podem ser registrados e compartilhados com os participantes.

A alteração, por enquanto, permanece restrita ao aplicativo do Outlook Groups para o Android, o que parece ser uma medida um tanto estranha. A Microsoft não revelou uma data de lançamento para as novas versões no iOS e, principalmente, Windows 10, cujos aplicativos continuam com a antiga interface, velha conhecida dos usuários.

Fonte: Microsoft (Google Play Store)

via Canaltech

Moto Z2 e Moto E4 têm especificações e visual detalhados em novo vazamento

Moto Z2 Play

Se você se empolgou com o anúncio dos novos Moto C, saiba que eles foram apenas a ponta das novidades que a Lenovo vem preparando. Há algum tempo já vemos rumores sobre outros aparelhos da marca, sobretudo a próxima geração do Moto Z. E, como não poderia deixar de ser, eis que mais novos detalhes sobre o aparelho já começam a aparecer.

As informações foram trazidas por Roland Quandt, um conhecido informante da indústria que sempre traz vazamentos significativos de algumas empresas. No caso, ele foi até o Twitter compartilhar algumas renderizações feitas pela própria Lenovo e que revelam como será o visual do Moto Z2 Play. Sem muita surpresa, vemos um aparelho praticamente idêntico ao seu antecessor, seja no design da câmera na parte traseira ou no próprio layout geral do modelo. A grande diferença fica no formato do sensor de impressões digitais, que ficou um pouco maior e mais próximo daquilo que a Lenovo apresentou no Moto G5.

Só que esse design sem grandes alterações é, na verdade, uma coisa muito boa. Como o Moto Z2 Play vai continuar apostando no formato modular, isso significa que os Moto Snaps que você já utiliza atualmente poderão ser levados para essa nova geração sem qualquer problema. O dispositivo traz os mesmos pinos magnéticos na sua parte traseira, deixando bem claro que o suporte está garantido. De resto, parece ser o mesmo aparelho lançado em 2016.

Outra novidade contemplada pelo vazamento são os novos Moto E4 e Moto E4 Plus, que tiveram uma quantidade um pouco maior de informações liberadas. Primeiramente, o visual segue o padrão do restante da família Moto. Em outras palavras, o mesmo sensor presente no Moto Z2 Play e a câmera circular também estão presentes — o que significa que a fabricante quer realmente impor uma assinatura em seus aparelhos.

Moto E4 vai ficar ainda mais parecido com o restante da família Moto

Já em termos de configuração, o que realmente chama a atenção nesses dois modelos é a impressionante bateria de 5.000 mAh, o que significa que eles serão pequenos monstros quando o assunto é autonomia. Ambos os modelos chegarão às lojas com tela de 5,5 polegadas, câmera principal de 13 megapixel e frontal de 5 MP. O processador será um MediaTek MT6737M de 1,3 GHz e eles estarão disponíveis em versões de 2 GB e 3 GB de RAM, além de 16 GB de armazenamento interno.

E o anúncio desses aparelhos nem deve demorar tanto assim. Como Quandt destaca, as imagens mostram a data 20 de junho e sugere que será neste dia que a Lenovo vai fazer a revelação oficial de seus novos smartphones. Além disso, ele afirma que vários varejistas confirmaram que o envio dos aparelhos começará também nesta data. Em outras palavras, vale a pena ficar de olho.

Via: Roland Quardt (Twitter), Gadgets 360

via Canaltech

Visual Studio chega oficialmente ao Mac nesta quarta-feira

Após alguns meses de testes, a Microsoft anunciou nesta quarta-feira (10) o lançamento da versão finalizada de seu Visual Studio para o sistema operacional Mac OS X. A ferramenta de desenvolvimento pode ser usada para criar experiências que vão do mundo mobile ao universo dos games, com direito a integração aos recursos do Azure.

Segundo a companhia, softwares podem ser criados com o auxílio de ferramentas como C#, F#, .NET Core, ASP .NET Core, Xamarin ou Unity. O lançamento torna possível usar uma das soluções de desenvolvimento mais famosas do mundo sem ter que recorrer a soluções que permitem rodar o Windows no sistema Mac.

O novo Visual Studio é baseado no software open source MonoDevelop IDE e possui modo extensível bastante compreensível. Os usuários da ferramenta podem integrar a ela funções que vão de um simples editor de comandos até a compatibilidade com novos tipos de projetos e idiomas — clique aqui para ser levado à página de download da novidade.

via Novidades do TecMundo

Visual Studio 2017 para Mac finalmente está disponível para todos

Visual Studio

De acordo com informações divulgadas durante a Build, conferência para desenvolvedores da Microsoft, o Visual Studio 2017 agora está disponível para todos os usuários de Mac. A expectativa é de que a novidade incentive os desenvolvedores de macOS e iOS a utilizarem as ferramentas da Microsoft, já que não será mais necessário um computador com Windows ou softwares específicos para tal.

Segundo os anúncios, os desenvolvedores poderão usar o Visual Studio 2017 para Mac para criar e atualizar aplicativos iOS, macOS e Android e também para o desenvolvimento de apps para a web, tudo isso graças ao suporte do software para o ASP.NET Core. Em termos de programação, C# e F# são suportados. "O Visual Studio para Mac traz o ambiente de desenvolvimento integrado (IDE), amado por milhões, ao Mac", comemorou a Microsoft. "Se você usa C#, F#, .NET Core, ASP.NET Core, Xamarin ou Unity, você terá um ambiente de desenvolvimento de primeira linha, projetado nativamente para o Mac", completou a companhia.

A iniciativa mostra o empenho da Microsoft em agradar aos desenvolvedores, permitindo o aproveitamento das tecnologias da companhia no sistema operacional de sua prefência. O Visual Studio 2017 pode começar a ser utilizado através de máquinas rodando o OS X El Capitan 10.11 ou superior.

Via OnMSFT

via Canaltech