Oath é condenada a pagar multa de US$ 4,95 milhões nos EUA

A Oath, empresa que é o resultado da fusão entre AOL e Yahoo! e que pertence à Verizon, assinou um acordo no qual terá que pagar US$ 4,95 milhões por ter violado a COPPA (sigla em inglês para Lei de Proteção à Privacidade Online para Crianças).

A investigação descobriu que os sistemas da companhia já vinham burlando a lei desde a época da AOL, em que ela foi acusada de exibir anúncios segmentados em sites destinados a menores, principalmente com idade inferior a 13 anos, os quais coletavam dados potencialmente confidenciais através dos cookies e informações de localização. Para piorar a situação da Oath, um gerente de contas havia configurado, no mínimo, uma conta de cliente, mesmo sabendo que a COPPA proíbe esse tipo de prática.

A situação foi grave a ponto da procuradora-geral do estado de Nova York, Barbara Underwood, afirmar que a companhia foi “pega no flagra” ao desrespeitar as normas.

Sem mais detalhes, a Oath emitiu um comunicado declarando estar feliz em resolver o caso e poder seguir em frente, promovendo a proteção da privacidade online das crianças. No acordo, a empresa teve de aceitar exigências, como realizar treinamento anual da equipe responsável, trabalhar na detecção de riscos e supervisionar procedimentos dentro e fora da empresa, regularmente.

O valor da multa não chega a abalar as finanças de uma empresa do tamanho da Oath, mas é alto o suficiente para desestimular outras companhias a infringir a COPPA.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *