Qualcomm anuncia o 1º leitor de digital ultrassônico sob a tela do mundo

O Snapdragon Tech Summit começou ontem (4) na Havaí e a Qualcomm logo de cara já apresentou as duas principais novidades da empresa para 2019. Além de anunciar oficialmente o Snapdragon 855, a companhia mostrou também o 3D Sonic Sensor primeiro leitor de digitais ultrassônico embutido na tela do mundo.

O recurso chega com a promessa de elevar o nível da identificação biométrica por meio de uma impressão digital ao usar tecnologia ultrassônica, mais rápida e capaz de driblar algumas sujeiras nos dedos para completar a leitura. Atualmente, a tecnologia usada em leitores na tela é óptica, que emite luz para ler a digital e pode ser prejudicada até mesmo se o dedo estiver molhado.

Tecnologia ultrassônica é mais rápida e eficaz do que a óptica, usada atualmente em leitores embutidos na tela

Outra vantagem do 3D Sonic Sensor é a área de leitura oferecida por ele, muito maior do que um sistema óptico. Essa característica em específico funciona bem porque amplia o espaço na tela no qual alguém pode tocar para desbloquear o seu smartphone — a tecnologia óptica utiliza sempre um trecho específico (e menor) do dispositivo para isso.

A eficácia do recurso ultrassônico se sobressai, ainda, na sua discrição: não é preciso ter um “botão” e ele utiliza menos elementos físicos, garantindo às fabricantes a possibilidade de criar aparelhos mais finos sem abrir mão de um recurso de ponta.

O 3D Sonic Sensor da Qualcomm estará habilitado por padrão no novo Snapdragon 855, reforçando a tendência dos leitores embutidos na tela para os principais smartphones Android de 2019.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *