Fox e Nat Geo abrem investigação após acusações contra Neil deGrasse Tyson

Apresentador do programa Cosmos foi acusado de assédio sexual por duas mulheres recentemente. Em comunicado, astrofísico diz que irá cooperar com investigações.


A Fox e a National Geographic iniciaram investigações sobre as acusações de assédio sexual que vieram à tona recentemente contra o astrofísico Neil deGrasse Tyson, que apresenta o programa Cosmos nas duas redes.

Em um comunicado enviado ao site especializado Deadline, os produtores do programa confirmaram que estão investigando o caso após uma reportagem recente da Patheos revelar as acusações de duas mulheres contra deGrasse Tyson – saiba mais abaixo. 

“A crença no coração do Cosmos é seguir as evidências aonde elas nos levarem. Os produtores do Cosmos não podem fazer menos do que isso nesta situação. Estamos comprometidos com uma investigação minuciosa sobre esse assunto e em agir de acordo com ela assim que ela for concluída”, afirmou a produção da atração, renovada recentemente para mais uma temporada, com estreia prevista em 2019.

A reportagem da Patheos citada acima, publicada na última sexta-feira, 30/11, traz depoimentos da professora de física e astronomia Katelyn N. Allers e de uma ex-assistente de Tyson, Ashley Watson – ambas acusam o astrofísico de comportamento sexual inapropriado em episódios que teriam acontecido em 2009 e 2013, respectivamente. 

Antes disso, o mesmo site, Patheos, publicou uma reportagem em que a música Tchiya Ameta afirma ter sido estuprada por deGrasse em 1984, quando eles estudavam juntos na Universidade de Austin, nos Texas. 

Posição Tyson

No sábado, 1/12, deGrasse Tyson fez um longo post no Facebook sobre as acusações intitulado “On Being Accused” (“Sobre ser acusado”), em que diz que irá cooperar totalmente com as investigações sobre os casos.

“Por uma variedade de rasos, a maioria justifica, algumas não, os homens acusados de comportamento sexual impróprio no clima atual do ‘me-too’ são presumidos como culpados pelo tribunal da opinião pública. As emoções passam por cima do processo devido, as pessoas escolhem lados, e a guerra das redes sociais começa”, afirma o astrofísico no primeiro parágrafo do seu comunicado.

No texto, Tyson fala sobre todas as três acusações e também diz que as “evidências sempre importam”, apontando que “acusações podem danificar uma reputação e um casamento” – “às vezes de forma irreversível”.

via IDG Now!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *