Amazon oferece adiantar pagamentos para editoras no Brasil

Gigante americana de e-commerce enviou carta a editoras brasileiras. Iniciativa acontece em momento de crise das rivais Cultura e Saraiva.


Em meio à crise da Saraiva e da Livraria Cultura, que recentemente entraram com pedidos de recuperação judicial, a Amazon ofereceu antecipar pagamentos para as editoras de livros no Brasil, segundo informações do Valor Econômico. A oferta acontece em um momento delicado do mercado literário do país, uma vez que Saraiva e Cultura, as duas maiores redes de livrarias do país, devem juntas cerca de 280 milhões de reais às editoras, conforme o jornal.

De acordo com a reportagem, a Amazon enviou recentemente uma carta às editoras em que propõe realizar o pagamento antecipado “em taxas mais baixas do que as de mercado” – normalmente, a empresa paga entre 60 e 90 dias – o documento pode ser lido na íntegra neste link.

Além disso, a Amazon também pede no documento que as editoras brasileiras a procurem antes de decidirem cancelar ou adiar lançamentos. Isso porque a companhia americana estaria interessada em publicar esses títulos em formato digital (e-book) e até impresso.

Comunicado Amazon

Procurada pela reportagem do IDG Now!, a assessoria da Amazon afirmou que a empresa “continua empenhada em usar a criatividade para apoiar nossos parceiros da indústria do livro no Brasil”.

Veja a seguir o comunicado na íntegra: “A Amazon continua empenhada em usar a criatividade para apoiar nossos parceiros da indústria do livro no Brasil, assim como para promover a leitura e ajudar leitores brasileiros a descobrir novos livros e novos autores.”

 

Saraiva e Cultura

No último dia 23 de novembro, a Saraiva entrou com pedido de recuperação judicial, listando débitos de 675 milhões de reais. A medida aconteceu cerca de um mês após a Livraria Cultura seguir pelo mesmo caminho.

via IDG Now!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *