Google anuncia que não irá mais participar de evento na Arábia Saudita

Em um comunicado divulgado nesta segunda (15), a Google anunciou que Diane Green, Chefe Executivo dos Serviços em Nuvem da Google, não irá mais participar do evento Future Investment Initiative Summit, que acontecerá a partir do dia 23 de outubro na cidade de Riyadh.

A empresa não quis elaborar sobre o motivo do cancelamento, e tudo indica que ela é mais uma das diversas empresas que estão cancelando a participação no evento por causa do incidente com o jornalista Jamal Khashoggi.

Desaparecido desde o dia 2 de outubro, Khashoggi era um jornalista que morava nos Estados Unidos e escrevia para o Washington Post, onde mantinha uma coluna em que rotineiramente criticava as políticas do governo saudita. A última vez que o jornalista foi visto foi em Istambul, na Turquia, entrando no prédio do Consulado saudita, e as suspeitas são de que ele foi assassinado por funcionários do governo do país.

Além da Google, entre as empresas que já cancelaram sua participação no evento estão a Uber (que seria representada pela CEO Dara Khosrowshani), o Banco Mundial (que seria representado por seu presidente, Jim Yong Kim), a J.P. Morgan (que seria representada pelo CEO Jamie Dimon) e a Ford (que seria representada pelo presidente da empresa, Bill Ford).

Ainda, diversos parceiros de mídia (como o New York Times, Financial Time, Bloomberg, CNN e CNBC) também se retiraram do evento, e deixaram claro que não voltarão atrás até que a verdade sobre o que aconteceu com Khashoggi seja revelada.

via Canaltech

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *