Elon Musk pede ajuda ao criador do Dogecoin para combater scam bots

Graças ao CEO da Tesla, Elon Musk, podemos estar mais perto de resolver o problema dos vírus scambot de criptomoedas do Twitter.

Determinado a impedir que botnets maliciosos se façam passar por ele, Musk pediu ao criador do Dogecoin, Jackson Palmer, para ajudá-lo a criar uma solução para conter a disseminação de bots fraudulentos na plataforma.

Por sorte, Palmer já havia inventado um roteiro similar no passado. Se estiver certo, ele permitiu a Elon Musk acabar com a epidemia de uma vez por todas.

De fato, o criador do Dogecoin mais tarde twittou que ele relacionou Musk com o script de dispersão do scambot e que eles também discutiram algumas soluções que o Twitter pode implementar para resolver o problema.

Os scambots são tão comuns que o Twitter foi forçado a adicionar uma nova regra: se você trocar seu nome para Elon Musk, vai ser banido da plataforma.

Ironicamente, apenas alguns meses atrás, Musk brincou sobre a prevalência de scambots no Twitter e se mostrou impressionado com as pessoas tentando se passar por ele. Agora, entretanto, parece que essas ocorrências têm se tornado mais um aborrecimento do que uma diversão.

Vale a pena notar que os scammers já aprontaram também em grandes blockchains. Após o roubo de USD 200 mil de uma plataforma de jogos baseada em EOS, descobriu-se que personagens obscuros (com um comportamento muito similar) estavam aplicando phishing em usuários desavisados por meio de mensagens escritas no blockchain da EOS.

Agora, resta aguardar para que esse pedido de ajuda dê resultados e todo mundo saia ganhando — menos, é claro, os bandidos.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *