Tesla retira 2 cores de pintura para agilizar produção de seus carros

A Tesla está removendo duas de suas opções de pintura; o CEO Elon Musk sugere que essa redução “simplificará a fabricação”, à medida que a companhia tenta aumentar a produção de seus carros elétricos. Em vez de sete, agora serão apenas cinco; no entanto, os clientes que desejarem veículos nas cores descontinuadas ainda poderão encomendá-los via solicitação especial.

Musk confirmou, no dia 12, que as cores são a Obsidian Black Metallic e a Midnight Silver Metallic. Por email, a montadora já havia informado que os dois acabamentos seriam retirados do configurador online ontem mesmo. Os compradores, por pouco mais de uma semana, ainda poderão selecionar as duas cores, mas com uma cobrança extra de USD 500 em cima do preço-base.

Questionado por um dono de um Model X sobre possíveis atrasos em reparos, Musk respondeu que a Tesla vai manter carros de todas as cores em estoque.

Qualquer detalhe que agilize a capacidade de produção vem a calhar, especialmente para uma empresa como a Tesla, que parece estar lutando para convencer os investidores a cada trimestre de que pode cumprir as metas e suprir as necessidades do mercado.

Juntamente com o Midnight Silver Metallic, a Tesla também oferece um Silver Metallic regular, com um acabamento mais leve. Enquanto isso, há tanto Obsidian Black Metallic quanto o padrão Solid Black. A última é a pintura mais barata da Tesla, incluída como acabamento sem custo em seus carros. Opções metálicas saem por USD 1,5 mil cada, enquanto as multicores — atualmente oferecidas em branco e vermelho  são USD 2 mil.

A decisão afetará todos os carros atuais da montadora, que tenta impulsionar os números do Model 3 de 5 mil para 6 mil unidades por semana.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *