Zuckerberg diz que Facebook já bloqueou mais de 1 bilhão de contas falsas

Desde o começo do ano, quando explodiu o caso Cambridge Analytica, o Facebook vem prometendo fechar o cerco contra pessoas que utilizam duplicatas e contas falsas para disseminar fake news e abusar em material para desinformação. Na quarta-feira (12), o CEO Mark Zuckerberg falou mais a respeito dos esforços nessa área e disse que a rede social já desabilitou mais de 1 bilhão de perfis enganosos.

“Com avanços em aprendizado de máquina, desenvolvemos sistemas que bloqueiam milhões de contas falsas todos os dias. No total, removemos mais de um 1 bilhão delas”, disse, em sua página no próprio Facebook. Segundo o executivo, a grande maioria foi deletada minutos após sua criação, o que impediu que elas espalhassem conteúdo.

A ação durou seis meses, de março a outubro, e, entre outros casos, Zuckerberg citou como exemplo uma rede de perfis falsos no Brasil, que escondia sua identidade para espalhar notícias ilegítimas sobre a corrida presidencial deste ano. A varredura deve continuar, pois a companhia contratou 10 mil pessoas na temporada passada e mais 20 mil neste ano somente para lidar com segurança e proteção de dados.

Zuckerberg alerta que uma das ações mais utilizadas pelos infratores é o compartilhamento coordenado de vários perfis falsos, o que dá a falsa impressão de que um evento recebe um apoio maior do que ele tem na realidade. “Por exemplo, recentemente identificamos e removemos várias contas falsas envolvidas em promover um legítimo evento de protesto e encorajando outros a fazerem o mesmo.”

Cupons de desconto TecMundo:

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *