Nvidia cria IA que remove ruídos e até mesmo marcas d’água em fotos

O trabalho dos fotógrafos não é fácil: enquanto estes profissionais capturam diariamente as melhores imagens que seus equipamentos permitem, precisam também recuperar fotos que, à primeira vista, não têm mais como serem aproveitadas, além de impedir que usuários mal intencionados se apropriem de seu trabalho.

Proteger as imagens não é uma tarefa fácil, e as coisas ficam ainda mais complicadas com uma IA que consegue tirar marcas d’água de forma bem eficiente, deixando a foto final sem rastro algum do que estava ali antes. A Nvidia, multinacional de tecnologia, criou uma inteligência artificial que é capaz de remover qualquer elemento que esteja atrapalhando alguma foto – o que inclui textos e marcas d’água, não importa o quão incômodos estes elementos sejam. A tecnologia foi criada treinando a IA com milhares de imagens de antes e depois do processo, para que o sistema soubesse como as imagens deveriam ficar.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=pp7HdI0-MIo?start=0]

E não para por aí: os pesquisadores conseguiram até mesmo que uma inteligência artificial removesse ruídos de imagens, de forma mais eficaz que qualquer filtro. Neste caso, o trabalho é feito com uma rede neural que foi treinada utilizando fotos cheias de ruído de vários tipos. O mais interessante é que o processo acontece de forma bem rápida: bastam milissegundos para corrigir a qualidade das imagens – o que com certeza é bem mais prático do que passar horas trabalhando com softwares de edições de imagens.

Estes resultados podem ser úteis até mesmo para a área da medicina, como no caso de imagens de ressonâncias magnéticas que poderiam ficar mais definidas. Além disso, estudiosos da astronomia também fariam um bom uso desta tecnologia; já pensou como as fotos do céu noturno poderiam ficar ainda mais precisas, uma vez que não teriam mais o ruído que pode ser confundido com estrelas?

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *