Tinder já testa recurso que encontra pretendentes de acordo com localização

Já havíamos noticiado que o Tinder teria intenção de criar uma ferramenta no aplicativo de encontros que reuniria pretendentes de acordo com locais visitados, assim como acontece com um de seus maiores concorrentes, o Happn. Pois hoje a empresa revelou que já está testando o recurso – batizado de Tinder Places – em dois países: Chile e Austrália.

Os lugares por onde o usuário passa são relacionados a seu perfil de maneira automática caso você opte por usar o Tinder Places

O Tinder Places vai encontrar para os usuários matches tendo como base locais visitados, seja restaurantes, parques, shoppings, cinemas etc. Assim, os pretendentes que se conhecerem por meio do aplicativo podem ter um elemento a mais em comum: os locais que costumam frequentar. Lugares mais particulares que as pessoas visitam, como consultórios médicos e os locais onde moram ou trabalham não vão ser levados em conta pelo sistema do app.

Por onde você anda?

As localidades visitadas vão ser consideradas pelo aplicativo por 30 minutos e após 28 dias serão desconsideradas pelo sistema. Os lugares por onde o usuário passa são relacionados a seu perfil de maneira automática caso você opte por usar o Tinder Places, mas podem ser excluídos sempre que a pessoa quiser.

A interface de uso também é diferente: você vai navegar por um mapa e, a partir de lá, encontrar um potencial match entre quem interessou a você. Pessoas que você bloqueou ou demonstrou não estar interessado anteriormente vão desaparecer do sistema do Places – que possui garantia de privacidade por parte do Tinder: não é possível ver uma lista de locais visitados por outros usuários.

Ainda não há informações sobre quando a ferramenta vai estar disponível no Brasil ou em outros países.

Cupons de desconto TecMundo:

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *