Pode apertar o play: Apple Music chega à marca dos 40 milhões de assinantes

Se você utiliza plataformas de streaming de músicas, já deve ter ouvido falar do Apple Music. Lançada em 2015, a plataforma da Maçã chegou como uma novidade, justamente para competir com outros serviços similares — como Spotify, Deezer e Google Play Music.  

No Brasil, o Apple Music tinha a mensalidade cobrada inicialmente em dólares, motivo que pode ter sido um dos causadores do afastamento do público brasileiro. Contudo, no ano passado a Apple passou a realizar as cobranças em nossa moeda e trouxe mais um diferencial: o plano para estudantes. 

É claro que o Spotify é um serviço extremamente popular na atualidade e já oferecia esses recursos, mas nada disso impediu o crescimento do Apple Music, como pôde ser visto nos números que mostram a quantidade de usuários pagantes. 

music apple

De acordo com um tweet de Steven Huon, diretor de conteúdo da Apple na França, a plataforma atingiu 40 milhões de inscritos — sendo que o Spotify conta com 70 milhões de assinantes. Isso é um bom sinal para a empresa, uma vez que o número de usuários pagantes do serviço da Apple atingiu uma taxa de crescimento de 5% ao mês, contra 2% do Spotify.  

De forma semelhante ao que ocorre no Spotify, também é possível utilizar a plataforma de forma gratuita  mas por um tempo limitado. Segundo Eddy Cue, executivo da empresa, atualmente há 8 milhões de usuários aproveitando os 3 meses gratuitos do Apple Music.

Vale lembrar que, para utilizar o Apple Music, é preciso pagar a assinatura após esse período.

Cupons de desconto TecMundo:

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *