A startup mais rica da China trabalha com vigilância de massa

O TecMundo já mostrou algumas vezes como o governo chinês trabalha com diversos aparatos de vigilância de massa — desde câmeras espalhadas pelas ruas até um sistema robusta de inteligência artificial automatizado. Tudo isso reflete nos negócios: a SenseTime, responsável pelo sistema de IA do governo, se tornou a startup mais valiosa do mundo, de acordo com a CB Insights.

A China cada vez mais foca em sistemas de inteligência artificial

A SenseTime recebeu um investimento de US$ 600 milhões (cerca de R$ 2 bilhões) liderado pela gigante Alibaba, que possui seu negócio principal no ramo do ecommerce. Como o The Verge nota, o movimento mostra que a China cada vez mais foca em sistemas de inteligência artificial, seja despejando dinheiro via governo ou investimento privado.

Vale comentar que, enquanto a China utiliza publicamente os sistemas de IA em ferramentas de vigilância de massa, os Estados Unidos fazem o mesmo — porém, isso não acontece publicamente. Você pode entender melhor clicando aqui.

Atualmente, a SenseTime conta com mais de 400 clientes e parceiros, sejam governamentais ou privados. Além dos sistemas já citados, a startup também atua com recursos de câmeras em smartphones, atuando diretamente com a OPPO e a Vivo, por exemplo. Ela também trabalha desenvolvendo os filtros de realidade aumentada da rede social Weibo.

Cupons de desconto TecMundo:

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: