Como saber se você foi afetado pelo caso Cambridge Analytica no Facebook

O caso Cambridge Analytica é mais grave do que se imaginava. Segundo o Facebook, ele atinge 87 milhões de pessoas, incluindo 443 mil usuários do Brasil. A partir desta segunda-feira (9), você poderá descobrir se seus dados foram expostos.

A partir das 8h (horário de Brasília), os usuários começarão a ver um aviso “Protegendo suas informações” no topo do feed de notícias.

Facebook - revenge

Se você foi afetado, o aviso dirá que um de seus amigos fez o teste “This Is Your Digital Life”, e que esse site “pode ter abusado de algumas de suas informações no Facebook ao compartilhá-las com uma empresa chamada Cambridge Analytica”.

Nesse caso, não há muito o que você pode fazer. A Cambridge Analytica diz que esses dados foram destruídos, mas eles ainda estão circulando pela internet. O teste de personalidade foi removido do Facebook em 2015, mas a rede social não avisou ninguém na época.

Mas se você não foi afetado, haverá um aviso genérico sobre privacidade, e um botão para gerenciar aplicativos e sites conectados à sua conta do Facebook. Agora é possível excluí-los mais facilmente, selecionando cada um e clicando (ou tocando) em Remover.

Para recapitular: cerca de 270 mil usuários do Facebook fizeram um teste de personalidade chamado This Is Your Digital Life. Ele coletava os dados de cada pessoa e de todos os amigos dela, incluindo data de nascimento, cidade atual, interesses e curtidas.

Ou seja, você pode ter sido exposto, mesmo que nunca tenha sequer ouvido falar desse teste. Ele coletou dados de 87 milhões de pessoas, segundo o Facebook, que foram repassados para a Cambridge Analytica, violando regras da rede social.

Isso impactou cerca de 70 milhões de pessoas nos EUA, 1 milhão no Reino Unido, e 443 mil no Brasil. Mas Sheryl Sandberg, diretora de operações do Facebook, diz não saber ainda todos os tipos de dados que foram coletados.

Após o escândalo, o Facebook reduziu a quantidade de dados que aplicativos podem obter sobre você. Os controles de privacidade também ficarão mais simples. A empresa está sendo investigada em vários países, incluindo EUA, Reino Unido e Brasil.

Com informações: Mashable.

Como saber se você foi afetado pelo caso Cambridge Analytica no Facebook

via Tecnoblog

Deixe uma resposta