Novo golpe disseminado via WhatsApp promete suposto resgate do FGTS

Em um único dia, mais de 70 mil usuários do app ‘dfndr security’ emitiram alertas da ameaça; Mensagem vem acompanhada de link malicioso que leva a página falsa da Caixa Econômica Federal


Um novo golpe no WhatsApp vem fazendo vítimas em todo o Brasil. Mensagens falsas sugerem um suposto saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e prometem o resgate de valores de até R$1,9 mil a pessoas que tiveram um vínculo formal de trabalho (CLT) em algum período entre anos de 1998 e 2018. Em pouco mais de 24 horas, mais de 70 mil usuários do aplicativo dfndr security emitiram alertas da ameaça.

Como é costume nos golpes no WhatsApp, a mensagem vem acompanhada de um link malicioso que leva a uma página falsa da Caixa Econômica Federal. A investida é semelhante a outra que impactou mais de 360 mil pessoas em maio de 2017, mesma época em que houve a liberação do pagamento a quem tinha valores em contas inativas do FGTS.

Ao entrar no link, a vítima é induzida a responder perguntas como “Você está registrado atualmente?” e “É maior de 18 anos?” usada apenas para dar alguma credibilidade ao crime. Após isso, é encaminhada a uma nova página que informa à vítima que ela tem o direito de receber um valor em dinheiro. Antes disso, porém, pede para que compartilhe a página com os amigos antes de mostrar uma suposta lista com os nomes dos beneficiários. 

LEIA MAIS: Por que o WhatsApp se tornou a principal ferramenta para golpes on-line

Emílio Simoni, diretor do dfndr lab, explica que o objetivo do golpe é fazer usuário se cadastrar em serviços de SMS pagos não solicitados. “A partir do momento em que este cadastro ocorre, sem perceber, a vítima fica vulnerável a cobranças indevidas”, explica.  

Os hackers também colocaram comentários de falsos usuários elogiando a ação como “Acabei de sacar o meu”, “Deu certo comigo!” e “Meu nome está na lista, vou sacar” dando maior realismo ao golpe. Para não cair, a dica é adotar soluções de segurança (antivírus) que ofereçam algum bloqueio anti-phishing, capaz de bloquear o acesso a páginas falsas. 

Caixa Econômica não envia mensagens por WhatsApp 

A Caixa informou que não envia mensagens sobre saques das contas vinculadas ao FGTS por WhatsApp e que oferece orientações de segurança no site e em agências para alertar clientes sobre golpes por e-mails, spam, mensageiros, sites falsos ou mesmo por telefone.

A CAIXA explica, ainda, que o trabalhador pode verificar suas informações regularmente por meio do App FGTS (oficial), do site www.caixa.gov.br/fgts, na área “Serviços para o Trabalhador”, opção “Extrato do FGTS” ou pelo telefone 0800 726 0207. O trabalhador também pode optar pelo recebimento de informações via SMS, em que, mensalmente, as informações sobre depósitos, créditos de remuneração da conta e saldo são reportadas.

 

via IDG Now!

Deixe uma resposta