Intel lança o seu primeiro chip Core i3 com Turbo Boost

Com isso, novo processador da fabricante pode alcançar clock de até 3.4GHz, o que o coloca como o Core i3 mobile mais rápido do portfólio da fabricante.


Normalmente, a adição de um novo chip mobile Intel Core i3 não seria motivo para muita animação no mercado. Mas o novo Core i3-8130U traz algo especial: Turbo Boost, uma capacidade que a Intel não tinha adicionado aos seus chips Core i3 mobile até agora. 

A fabricante anunciou nesta semana o lançamento do Intel Core i3-8130U, um processador mobile dual-core, com quatro threads e 15W, voltado para laptops e dispositivos “dois em um”, e membro da família Kaby Lake (de 14 nanômetros). 

Na superfície, as especificações do novo Core i3 não impressionam muito: uma frequência base de 2.2GHz, placa gráfica UHD 620, e suporte de memória de 2.133MHz (LPDDR3) ou de 2.400MHz (DDR4). Mas o novo boost de frequência também impulsiona o potencial do chip com uma frequência máxima de 3.4GHz, o que faz do 8130U o chip Core i3 mobile mais rápido do portfólio da Intel. 

A família Core i3 normalmente representa as ofertas mais básicas da Intel. Mas com o Turbo Boost, o Core i3 consegue saltar para um território mais especial.

Há apenas dois anos, a Intel vendia o Core i7-6650U, um processador quase idêntico ao novo Core i3: com dois núcleos, quatro threads, 15W, frequência padrão de 2.2GHz e uma frequência máxima de 3.4GHz. A Intel vendia esse chip por 415 dólares, um enorme pedaço do preço de um notebook dois em um novo. 

Vale notar que a empresa não revelou o preço do novo Core i3-8130U, mas esperamos que fique na faixa de outros chips da mesma família, em torno dos 150 dólares.

O que isso significa para você

É possível ver esse anúncio como uma resposta atrasada ao Ryzen 5 2500U, o chip mobile anunciado pela AMD no ano passado. Com uma velocidade base de 2GHz e de até 3.6GHz com boost, o processador da Intel é bastante parecido com o próprio chip de 15W da AMD para aparelhos dois em um.

De qualquer forma, vale lembrar que o AMD 2500U também conta com 8 unidades computacionais RX Vega dentro dele, oferecendo um poderio gráfico que a Intel realmente não consegue alcançar sem uma GPU discreta incorporada ao chip

via IDG Now!

Deixe uma resposta