Youtuber que filmou cadáver não receberá mais dinheiro de publicidade do YouTube

Estimativa é de que Logan Paul recebia cerca de US$ 1 milhão apenas com a receita de anúncios de seu canal


Reprodução YouTube

O YouTube informou que suspendeu temporariamente a veiculação de anúncios nos canais do youtuber Logan Paul. Segundo a companhia, a medida é uma resposta ao comportamento de Paul que, no início do ano, filmou e publicou um vídeo que mostrava um cadáver em uma floresta no Japão, conhecida como “Floresta do suicídio”. 

Paul é considerado um dos youtubers mais famosos do mundo, com mais de 16 milhões de assinantes e milhões de visualizações.   

O vídeo do cadáver não é uma amostra isolada da falta de bom senso do rapaz. O The Verge lembra que Paul atacou um rato morto com uma arma de choque, incentivou seguidores a ingerirem uma cápsula de sabão líquido e tirou um peixe de um lago para fingir que prestava primeiros socorros ao animal. 

A penalidade do YouTube afeta diretamente o bolso de Paul. Isso porque agora, ele não contará mais com o dinheiro vindo de anúncios da plataforma. A estimativa era de que Paul recebia cerca de US$ 1 milhão apenas com a receita de publicidade de seu canal. 

Essa não foi a primeira punição do Google, que detém o YouTube, ao rapaz. Após a divulgação do vídeo com o cadáver, Paul foi removido do programa Google Preferred, que impulsiona canais populares a anunciantes, e também teve projetos de séries originais na plataforma YouTube Red encerrados. 

 

via IDG Now!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *