Microsoft testa desbloqueio de PCs com leitor de digitais no smartphone

Esta semana, a Microsoft lançou uma nova prévia do Windows 10 com uma enorme lista de pequenos ajustes. São melhorias nas configurações, no navegador Edge, e também na forma como você faz login.

A Microsoft está testando login sem senha através do aplicativo Authenticator. Ao configurar uma instalação limpa do Windows 10 S, você poderá escolher a autenticação pelo app. Então, você usará o leitor de digitais em seu smartphone para autorizar o login.

Se acontecer algo com seu smartphone, é possível usar um PIN como método alternativo. Por enquanto, o recurso está disponível apenas para o Windows 10 S, versão que só roda apps instalados a partir da Microsoft Store.

A Samsung permite usar smartphones Galaxy para desbloquear PCs com a digital. Enquanto isso, a solução da Microsoft funciona até mesmo com iPhones.

Quanto às configurações, o Windows 10 ganhou uma forma nativa de escolher qual GPU cada app vai usar. Por exemplo, o Google Chrome ficaria restrito ao chip gráfico da Intel, enquanto um jogo usaria a placa de vídeo.

Sim, isso já era possível nos painéis de controle da AMD e Nvidia, mas está sendo incorporado ao sistema. A Microsoft avisa que essa nova configuração do Windows tem prioridade sobre o que você escolheu no Painel de controle da Nvidia ou AMD Catalyst.

Além disso, o Windows permite emparelhar dispositivos Bluetooth com apenas um clique. Quando um hardware compatível for detectado nas proximidades, o sistema exibe uma notificação ao usuário.

Isso funciona com o Surface Precision Mouse e alguns acessórios da Logitech e Nordic. O Google também está trabalhando para facilitar o emparelhamento Bluetooth, mas no Android.

O Microsoft Edge permite imprimir páginas sem anúncios e elementos desnecessários. Além disso, é possível acessar a barra de endereços no modo tela cheia (F11), deslizando o mouse até a parte superior da tela (ou arrastando o dedo a partir da borda superior).

A barra de jogo (Game Bar) ganhou um novo visual. Ela tem botões para acessar suas gravações, ativar microfone e câmera, e checar o horário. Também é possível escolher entre temas claro ou escuro.

O Windows Defender agora aparece nas configurações, na seção “Segurança do Windows”. Dispositivos compatíveis com HDR poderão ativar esse recurso mesmo se não forem calibrados de fábrica. E ficou mais fácil controlar o Windows com os olhos, incluindo rolar conteúdo e acessar rapidamente o menu Iniciar, Visão de Tarefas e configurações.

A lista completa de novidades está aqui. Para usar a build 17093, você precisa entrar no programa Windows Insider.

Com informações: Microsoft.

Microsoft testa desbloqueio de PCs com leitor de digitais no smartphone

via Tecnoblog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *