7 recursos de segurança para usar o Facebook com tranquilidade

Esta terça-feira (6) marcou o Dia da Internet Segura, e uma série de ações aconteceram no Brasil. A proposta da data é debater o uso consciente da rede e apresentar soluções para que as pessoas possam navegar com mais tranquilidade.

Afinal, notícias que informam o roubo de identidades digitais de usuários da internet não são raras. 

O Facebook, uma das redes mais usadas no Brasil, tem uma série de recursos que dão mais segurança ao usuário. 

Veja sete caminhos para usar a rede com tranquilidade e aproveite seu feed.

1. Prevenção ao assédio

Este é um dos temas mais graves atualmente. Passa não só pelo bullying virtual, mas também por aproximações e comentários inapropriados.

O Facebook lançou novas ferramentas em dezembro passado. A pessoa que se sentir invadida ou ofendida pode bloquear o contato, mesmo quando a pessoa cria uma conta nova e falsa para assediar.

A rede social usa de uma série de recursos para identificar as pessoas que estão atacando. As vítimas podem também informar o Facebook.

No Messenger, é possível ignorar mensagens. Basta remover as notificações de determinado contato, sem precisar bloqueá-lo — em alguns casos, o bloqueio pode causar mais preocupações.

Para ignorar uma conversa, o usuário deve escolher o contato, selecionar a opção Mais e depois Ignorar.

2. Reconhecimento facial

O algoritmo ajuda o usuário na gestão da sua identidade na rede. Dessa forma, fotos que são usadas para golpes ou ataques são percebidas pela rede.

É possível encontrar fotos em que não houve marcação e até detectar perfis que usam a foto do usuário em contas falsas.

3. Remoção de conteúdo ofensivo

O Facebook permite que o usuário seja proativo caso perceba alguma publicação que configure assédio, intimidação ou ofensa. A pessoa pode denunciar esses posts, que serão analisados pelas equipes de segurança.

Quem quiser denunciar um post deve clicar no canto direito superior, onde tem uma seta para baixo, e escolher "Dar Feedback sobre essa Publicação". Descreva, então, qual seria o problema com aquele conteúdo.

4. Portal para pais e mães

O Facebook permite perfis de adolescentes acima de 13 anos. Para que os pais possam se sentir mais seguros com a navegação e o uso que seus filhos fazem da rede, foi criada uma Central de Segurança com dicas e orientações para que a conexão virtual não seja um problema.

Há conteúdo em PDF, que pode ser baixado pelos pais, e recursos de proteção das contas.

5. Central de Prevenção ao Bullying

Dentro da Central de Segurança, foi criado um espaço exclusivo para o debate sobre esse tipo de assédio.

Há dicas para os adolescentes e para quem está sofrendo ou conhece algum amigo que é vítima de ataques. Além disso, o Facebook preparou conteúdo para pais e professores com o objetivo de não só lidar com o problema, mas também de detectar casos.

6. Escolhendo seu público

Sempre que alguém posta algum conteúdo, é possível selecionar quem poderá ver aquela publicação. É a melhor forma de direcionar seu conteúdo e evitar problemas.

Você pode escolher o modo público ou amigos. Além disso, é possível direcionar o post para listas criadas pelo usuário. Assim, você pode organizar os grupos de amigos e não publicar nada que gere atritos.

É importante lembrar que, toda vez que alguém marca um amigo num post, os amigos desse amigo também poderão ver aquele conteúdo.

7. Login e acesso

O Facebook tem um recurso que alerta o dono do perfil quando alguém tenta fazer login a partir de um dispositivo nunca usado antes. Uma mensagem é enviada, até quando é o próprio usuário que faz esse login — nesse caso, basta ignorar o e-mail.

Outra solução de segurança é a autenticação de dois fatores. Sempre que o usuário precisar fazer o login, ele só conseguirá acesso após digitar um código enviado para o número de celular cadastrado na conta.

E para aqueles que costumam esquecer logins e senhas, a rede permite que o usuário selecione de três a cinco amigos de confiança que poderão enviar um código de acesso à conta.

via Canaltech

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *