De ajudante na cozinha a pet sitter: conheça Gomer, o robô assistente

Sabe aquelas cenas nos filmes de ficção científica que mostram robôs habilidosos o suficiente para fazer todas as tarefas de casa? Por mais que nossa interação com os robôs esteja longe desse nível, já é possível ter um gostinho de como o futuro será.

Está hospedada no site de financiamento coletivo Indiegogo uma campanha para produção em maior escala do Gomer, anunciado como “o primeiro robô que ajuda, interage e entretêm cada um dos membros da sua família”. Ainda que o produto esteja na fase de conceito (ou seja, sua versão final ainda não foi feita), dá pra se ter uma ideia do seu potencial ao assistir os vídeos com os protótipos já criados. 

Polegar mágico

Com design compacto e amigável, o Gomer se destaca de outros robôs já criados para uso doméstico por contar com um sistema de pinça bem sofisticado, que permite segurar objetos bem delicados. É uma tecnologia que não é novidade nos robôs utilizados na produção industrial, mas ainda é algo que praticamente nenhum consumidor já teve contato. 

 E o sistema de pinça (chamado lá fora de “soft hands”, mãos leves, em tradução livre) pode realmente vir a quebrar um galho: no site da campanha é possível ver fotos do Gomer utilizando essa habilidade para levar um controle remoto até a pessoa que solicitou o comando —  sem mais brigas sobre quem vai pegar o controle que está na mesa — ou ajudando na cozinha, segurando ovos e entregando temperos guardados em recipientes de vidro. 

Deixe o Gomer do seu jeito 

Além de habilidade das garras sensíveis, o robô conta com outros equipamentos que ampliam a quantidade de atividades que ele pode fazer: a câmera com 720p e conexão WiFi permite usá-lo como vigia quando ninguém estiver em casa, ou mesmo colocá-lo como uma “babá eletrônica” para as crianças menores. Também dá pra usar o Gomer como “telefone”, se conectando através dele com outras pessoas da casa. 

 

A campanha conta com um ponto muito positivo para quem é desenvolvedor: o SDK, kit utilizado durante o desenvolvimento do produto, acompanha o robô e permite ao seu dono programá-lo para executar novas atividades ou responder a determinados comandos, dando aquele toque de ficção científica que vemos nos filmes.

Ele também possui suporte à Realidade Aumentada, podendo ser utilizado para jogos  que envolvam a tecnologia. Aliás, usar o Gomer é bem simples: a empresa disponibilizou um aplicativo para smartphones Android e iOS, é só baixá-lo, conectá-lo ao seu robô e começar a usá-lo. 

Na sua casa, num futuro não tão distante

O preço mais em conta disponibilizado por um Gomer já com frete incluso está em US$ 248 (cerca de R$ 820 na conversão direta), o que faz dele um brinquedo com preço salgado. Mas, se tomarmos como parâmetro o retorno que a campanha já obteve — quase o dobro da meta batida faltando pouco mais de duas semanas para o fim do prazo — é possível que, em breve, ele consiga ser vendido a um preço mais acessível.

Cupons de desconto TecMundo:

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: