Acusado de assédio, Kevin Spacey pede desculpas no Twitter e se revela gay

O cinema americano vive momentos de tensão. Após vários casos de assédio virem à tona em Hollywood, desta vez Kevin Spacey, o astro de House of Cards, está sendo acusado da mesma prática.

O ator Anthony Rapp (Star Trek: Discovery) disse, em entrevista ao BuzzFeed, que Spacey o teria assediado quando ele tinha apenas 14 anos de idade. O fato teria ocorrido há 32 anos, quando Spacey teria convidado Rapp para uma festa em sua casa. No final, o ator da série da Netflix o teria levado no colo até a cama e deitado sobre o garoto.

"Ele me carregou no colo como um noivo carrega a noiva. Mas eu não me afastei inicialmente, porque estava me perguntando: ‘o que está acontecendo?’. Ele, então, se deitou em cima de mim. Ele estava tentando me seduzir. Eu tinha noção de que ele estava querendo investir em mim sexualmente", afirmou Rapp.

Kevin Spacey utilizou sua conta no Twitter para dizer que não se lembrava do ocorrido, pedir desculpas e, ainda, revelar sua homossexualidade.

"Eu tenho muito respeito por Anthony como ator. Mas estou mais do que horrorizado com essa história. Eu realmente não lembro deste incidente, que pode ter acontecido há mais de 30 anos. Mas se eu tiver me comportado da forma como ele descreve, devo a ele as mais sinceras desculpas pelo que teria sido um comportamento inapropriado. Eu sinto muito pelos sentimentos que ele diz ter carregado por todos esses anos. Essa história me encorajou a lidar com outras questões da minha vida. Eu sei que há histórias sobre mim por aí, algumas alimentadas pelo fato de eu ser tão cuidadoso com minha privacidade. As pessoas mais próximas a mim sabem que, na minha vida, tive relacionamentos com homens e mulheres. Eu tive muitos amores com homens durante toda a minha vida e agora escolho viver como um homem gay", escreveu Spacey em sua conta no Twitter.

via Canaltech

Deixe uma resposta