Apple diz ser falsa a informação de que reduziu precisão do FaceID no iPhone X

Contrariando uma notícia dada pela Bloomberg na manhã desta quarta-feira (25), que dizia que a Apple estaria autorizando seus fornecedores a reduzir a precisão do FaceID a fim de acelerar a produção do iPhone X, a Maçã veio a público no período da tarde declarando que a informação é falsa.

A Apple garante que o reconhecimento facial do iPhone X tem precisão de 1.000.000: 1, o que significa que há uma chance em 1 milhão de a autenticação falhar. Ainda assim, a companhia de Cupertino foi bastante cuidadosa ao dizer que a precisão do sistema não foi afetada, não se defendendo das acusações de estar pressionando as fabricantes de componentes para acelerarem o processo, o que pode significar queda na qualidade de peças em geral.

Confira a declaração da companhia chefiada por Tim Cook, na íntegra e traduzida para o português:

"A empolgação dos consumidores pelo iPhone X e o FaceID tem sido incrível, e nós mal podemos esperar para que eles tenham o aparelho em suas mãos na sexta-feira, dia 3 de novembro. O FaceID é um sistema poderoso de autenticação segura que é incrivelmente fácil e intuitivo de usar. Sua qualidade e precisão não mudou. Ela continua a ser de 1 em 1 milhão de probabilidade de uma pessoa qualquer desbloquear o seu iPhone.

O relato da Bloomberg de que a Apple reduziu a precisão do FaceID é completamente falso, e nós esperamos que o FaceID seja o novo padrão para a autenticação facial."

via Canaltech

Deixe uma resposta