O novo sensor da RED para vídeos profissionais se chama Monstro 8K

A RED chamou nossa atenção recentemente graças a seu misterioso smartphone Hydrogen One, com tela holográfica e suporte para módulos. Mas, claro, a empresa é conhecida por suas câmeras profissionais extremamente caras — como seu lançamento mais recente de US$ 80 mil.

A câmera se chama Weapon 8K VV (Vista Vision), e se destaca pelo sensor. Ele se chama Monstro 8K VV e tem dimensões 40,96 x 21,6 mm, ou seja, possui área ligeiramente maior que um sensor full-frame. É possível capturar fotos de 35,4 megapixels, e vídeo em 8K a 60 quadros por segundo.

A RED promete “17+ stops de alcance dinâmico” para este sensor; isso mede a capacidade de diferenciar áreas com muita e pouca luz. A promessa pode não se concretizar: por exemplo, a empresa disse que seu sensor Helium 8K S35 tinha 16,5+ stops de alcance dinâmico, mas só foram detectados 15,2 stops no teste do DxOMark.

Esta é uma nova tentativa da RED em sensores 8K. Ela lançou o Dragon 8K VV em 2015, mas teve problemas de produção e não conseguiu entregá-lo para a maioria dos clientes. Agora, eles vão receber o novo Monstro 8K VV sem custo adicional. Por sua vez, novos pedidos serão entregues só no início de 2018.

Além disso, a RED anunciou uma melhoria para convencer mais cineastas a usar suas câmeras. Trata-se do IPP2, um pipeline de processamento de imagem “completamente reformulado” e menos complexo, com gerenciamento de cores melhorado. A ideia é atrair pessoas que preferem a concorrente Arri.

A câmera Weapon 8K VV custa US$ 79.500. Você provavelmente não pode comprá-la, e talvez nunca veja uma pessoalmente, mas ela representa o que há de melhor em captura de vídeo, e essas tecnologias acabam chegando aos consumidores. Já é possível gravar vídeos em 4K a 60 fps com o smartphone; o 8K deve chegar em breve.

Com informações: RED, Engadget.

O novo sensor da RED para vídeos profissionais se chama Monstro 8K

via Tecnoblog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *