Motorola divulga lista de smartphones que vão receber Android Oreo 8.0

A Motorola norte-americana divulgou hoje (14) a sua lista de smartphones que receberão o Android Oreo 8.0 como atualização nos próximos meses. Entretanto, alguns celulares que eram esperados para a lista simplesmente não apareceram, como é o caso de todos os modelos da família Moto G4.

Isso é preocupante porque os aparelhos que constituem a linha Moto G4 podem ser considerados essencialmente apenas a geração passada da Motorola para o segmento dos intermediários. Isso porque osMoto G5S são complementos da atual geração Moto G5 e não sucessores, como a própria empresa fez questão de deixar claro.

Confira a lista divulgada oficialmente nos EUA:

  • Moto Z2 Force (AT&T, Sprint, T-Mobile, Verizon)
  • Moto Z2 Play (Verizon, desbloqueado)
  • Moto Z Force DROID (Verizon)
  • Moto Z (AT&T, T-Mobile, Verizon, desbloqueado)
  • Moto Z Play (Verizon, desbloqueado)
  • Moto G5S Plus (desbloqueado)
  • Moto G5 Plus (desbloqueado)
  • Moto G5 (desbloqueado)

Todos os modelos adornados com o nome de uma operadora na lista acima ainda estarão dependendo dessas empresas para que a atualização seja distribuída. Ou seja, a Motorola terá que enviar o novo software para essas companhias e esperar a boa vontade delas repassarem isso com suas devidas modificações para os consumidores.

E no Brasil?

Nós ainda estamos esperando uma lista oficial de atualizações para o Android Oreo por parte da Motorola Brasil, mas a empresa afirmou que ainda não tem os aparelhos elegíveis elencados. Ou seja, existe a possibilidade de mais dispositivos aparecerem na listagem do nosso país, mas se os G4 não serão atualizados nos EUA, é provável que o mesmo se repita por aqui.

Além de melhorias incrementais para o usuário, a versão 8.0 do Robô traz um recurso fundamental que poderia garantir uma vida útil maior para nossos smartphones: a modularidade do software. O Oreo é o primeiro SO da Google a contar com o código dividido em várias partes para facilitar o processo de atualização feito pelas fabricantes. Com isso, elas enviariam modificações apenas para os módulos do sistema que foram alteradas na nova edição, economizando tempo de desenvolvimento e garantindo que os consumidores recebam as novidades com mais rapidez.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: