iPhone 8 e 8 Plus foram feitos especialmente para realidade aumentada

Finalmente, os dispositivos iPhone 8 e 8 Plus foram revelados no evento da Apple – que você pode acompanhar ao vivo aqui – e trazem algumas novidades, especialmente no campo da realidade aumentada, visto que ambos os smartphones são feitos inteiramente pensando nessas experiências.

Assim, os novos iPhone 8 e 8 Plus possuem câmeras totalmente calibradas para realidade aumentada, com capacidade de luz baixa e 60 quadros por segundo, para uma maior fluidez de imagens. Novos sensores de giroscópio e acelerômetro vão colaborar com a precisão dos movimentos do smartphone, algo que é crucial para um dispositivo focado em AR.

O iPhone 8 e o 8 Plus podem ser considerados uma “evolução” natural da geração anterior, o iPhone 7 e o 7 Plus – não é à toa que se esperava modelos chamados 7s e 7s Plus. Tanto CPU quanto GPU e sensor de imagem no processador A11 Bionic estão preparados para dar suporte aos recursos de realidade aumentada.

Novo hardware

O chipset dos dispositivos possui seis núcleos, sendo dois deles com desempenho 25% mais veloz que seu antecessor, o A10, e os outros quatro 70% mais rápidos que a antiga geração. A GPU também é 30% mais rápida, com a mesma performance do A10 na metade da potência. As câmeras frontais são de 12 megapixels e as traseiras – dupla – trazem novos sensores de f/1.8 e f/2.8. Elas são capazes de fazer registros em vídeo com resolução 4K em 60 fps. Na qualidade 1080p, as imagens chegam a 240 quadros por segundo.

O armazenamento interno dos dispositivos começa a partir de 64 GB e seu preços são os seguintes: o iPhone 8 vai custar a partir de US$ 700, cerca de R$ 2.175, e o iPhone 8 Plus vai sair a partir de US$ 800, ou R$ 2.485. A pré-venda dos dois dispositivos começa no próximo dia 15 de setembro.

Cupons de desconto TecMundo:

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: