BMW anuncia que vai criar equipe na Formula E em 2018

A BMW anunciou há pouquíssimo tempo que vai abrir mão de oferecer 100 opções de volantes para direcionar dinheiro para sua área de pesquisa e desenvolvimento de veículos elétricos e, ao que tudo indica, parte do laboratório vai ser nas pistas de rua da Formula E.

A montadora da Bavária anunciou que está criando uma equipe oficial para disputar o campeonato de monopostos elétricos em 2018 e 2019, com um novíssimo propulsor que acaba de ser desenvolvido pela marca. A equipe será gerenciada em parceria com o time da Andretti e, logicamente, a BMW afirma que seu envolvimento vai ajudar a desenvolver tecnologias que vão acabar influenciando nos carros de rua posteriormente.

“Através de nosso envolvimento na Formula E, estamos endereçando o desenvolvimento em direção a uma mobilidade sustentável e sem emissões na indústria automotiva e também fazendo uma contribuição para a progressão da marca em direção ao BMW iNEXT”, explicou Klaus Fröhlich, membro do conselho do grupo BMW.

O executivo explica que as linhas entre a parte de produção e da competição estão mais borradas no time da BMW i Motorsport, como está sendo chamado o time que vai cuidar da iniciativa elétrica, do que em qualquer outro projeto da marca.

A BMW se junta a outra grandes montadoras, como Renault, DS (divisão esportiva da Citroën) e Jaguar, na disputa pelo campeonato. Não é, no entanto, a primeira aparição da BMW na Formula E: o carro de segurança da categoria, bem como o carro médico, são o superesportivo híbrido i8 e um elétrico i3, respectivamente.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: