Cibercriminosos do WannaCry chamam vítimas de ‘clientes honestos’

O ransomware WannaCry, que infectou mais de 250 mil computadores em mais de 150 países, continua bloqueando o acesso de muitas máquinas. Dessa maneira, as vítimas possuem duas opções rápidas: uma formatação do computador ou o pgamento de US$ 300 em Bitcoins aos hackers criminosos por trás desse golpe.

Existem maneiras de prevenir e combater a atividade criminosa, não pague ransomware

Acontece, hoje (18), mensagens dos próprios cibercriminosos começaram a ser enviadas aos donos de computadores infectados. Na mensagem, os hackers comentam que já trabalharam dessa maneira e que a vítima pode confiar que as chaves para liberação de arquivos serão entregues após o pagamento. 

A mensagem, provavelmente, vem após a “baixa quantidade” de pagamentos aos cibercriminosos, que rendeu aproximadamente R$ 160 mil. O que os hackers talvez não saibam, por exemplo, é que a maioria dos afetados não tem ideia sobre o funcionamento das moedas virtuais — e por isso o pagamento também não foi realizado.

Veja abaixo a mensagem enviada na íntegra:

  • Eu já enviei chaves de decriptação para muitos clientes que me enviaram a quantia correta de bitcoins, e eu garanto as decriptações para esses clientes honestos. Me envie uma mensagem com o endereço da sua carteira virtual de bitcoins uma hora antes do pagamento, então você receberá a chave de decriptação de maneira mais rápida

O TecMundo não endossa o pagamento de ransomware. Existem maneiras de prevenir e combater a atividade criminosa. Para mais informações sobre isso, acesse aqui.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: