Nintendo decide restringir transmissões ao vivo de seus jogos no YouTube

A nova política da Nintendo quanto à transmissão ao vivo de seus jogos acaba de remover o YouTube da lista de serviços compatíveis para membros do Nintendo Creators Program, que já receberam um e-mail alertando-os sobre a mudança.

Segundo a Big N, "você não pode mais transmitir jogos ao vivo pelo YouTube a partir de sua conta no Nintendo Creators Program", e quem desejar transmitir suas partidas deve escolher uma outra plataforma compatível, ou desvincular sua conta ao Creators, que devolve ao usuário até 70% da renda de publicidade obtida durante a transmissão. Contudo, as transmissões pelo YouTube Gaming não devem ser afetadas, já que a companhia disse que essa plataforma "sai do radar do Nintendo Creators Program".

Legalmente, falando, a Nintendo tem direito de restringir a filmagem de seus jogos para exibição em plataformas online, reivindicando a receita desses vídeos. Vale lembrar que há mais de 3 anos a Amazon pagou US$ 970 milhões pela Twitch, plataforma conhecida por permitir esses streamings. Com a decisão da Nintendo, é capaz de muitos fãs ficarem decepcionados, mas a empresa está tomando esse cuidado para evitar que sua marca seja associada a problemas ocorridos durante algumas transmissões pelo YouTube.

via Canaltech

Nintendo vai fechar loja virtual do Wii

Pouco a pouco, a Nintendo está deixando o Wii no passado. Desta vez, é o fim da linha para sua loja virtual de jogos e aplicativos.

Os sites oficiais da Nintendo para o Japão e para o Reino Unido anunciaram o fim da Wii Shop. Os usuários não poderão adicionar pontos após 26 de março de 2018, e não poderão realizar compras após 31 de janeiro de 2019.

O canal Wii Shop inclui o WiiWare (jogos e aplicativos para o Wii); canais Wii; jogos retrô do Virtual Console; e a Wii U Transfer Tool, ferramenta para transferir conteúdo do Wii para o Wii U. Todos eles serão encerrados em 2019.

Até lá, a Nintendo avisa que você poderá baixar jogos e apps comprados através da Wii Shop. Depois, isso será desativado — ela promete revelar mais detalhes “em uma data futura”.

Com o sucesso do Switch, a Nintendo está seguindo em frente e desativando serviços de seus consoles antigos: em novembro, a rede social Miiverse chegará ao fim. A produção do Wii U foi encerrada globalmente no início deste ano.

Com informações: Nintendo, Engadget.

Nintendo vai fechar loja virtual do Wii

via Tecnoblog

Nintendo vai fechar loja virtual do Wii

Pouco a pouco, a Nintendo está deixando o Wii no passado. Desta vez, é o fim da linha para sua loja virtual de jogos e aplicativos.

Os sites oficiais da Nintendo para o Japão e para o Reino Unido anunciaram o fim da Wii Shop. Os usuários não poderão adicionar pontos após 26 de março de 2018, e não poderão realizar compras após 31 de janeiro de 2019.

O canal Wii Shop inclui o WiiWare (jogos e aplicativos para o Wii); canais Wii; jogos retrô do Virtual Console; e a Wii U Transfer Tool, ferramenta para transferir conteúdo do Wii para o Wii U. Todos eles serão encerrados em 2019.

Até lá, a Nintendo avisa que você poderá baixar jogos e apps comprados através da Wii Shop. Depois, isso será desativado — ela promete revelar mais detalhes “em uma data futura”.

Com o sucesso do Switch, a Nintendo está seguindo em frente e desativando serviços de seus consoles antigos: em novembro, a rede social Miiverse chegará ao fim. A produção do Wii U foi encerrada globalmente no início deste ano.

Com informações: Nintendo, Engadget.

Nintendo vai fechar loja virtual do Wii

via Tecnoblog

Agora é oficial: Nintendo vai encerrar a Wii Shop em janeiro de 2019

Lançada originalmente no fim de 2006 com o primeiro Wii, plataforma será desativada de forma gradual pela fabricante japonesa.

via IDG Now!

Nintendo Switch [Hands-on / Unboxing]

Nintendo Switch

Nosso amigo Wesley Barbosa, que reside no Vale do Silício, acabou de comprar um Nintendo Switch nos Estados Unidos e fez o unboxing do aparelho para o Canaltech. Acompanhe no vídeo!

Em breve, análise no Canaltech.

via Canaltech

Nintendo Switch vende 1,5 milhão de unidades em 1 semana de lançamento e bate recorde

Trata-se do console mais vendido em um curto prazo de tempo da companhia. Superdata atribui motivo do bom desempenho ao novo game da série Legend of Zelda

via IDG Now!

Nintendo já vendeu 1,5 milhão de unidades do Switch em uma semana

O sucesso da plataforma é acompanhado pelas boas vendas de Breath of the Wild, que foi adquirido por 89% de seus compradores

Informações divulgadas nesta terça-feira (14) pela SuperData mostram que o Nintendo Switch teve um lançamento muito bem-sucedido para a Nintendo. Segundo a organização, nada menos que 1,5 milhão de unidades do console foram vendidas na semana desde que ele chegou oficialmente às lojas.

Segundo a SuperData, 500 mil unidades foram vendidas nos Estados Unidos e 360 mil no Japão, sendo que a Europa “não está muito atrás” dessa quantia — no Reino Unido foram 85 mil cópias, enquanto na França foram 110 mil. Os números fazem com que a empresa esteja muito próxima de alcançar seu objetivo, que era vender 2 milhões de unidades até o final de março.

Leia mais…

via Novidades do TecMundo

Review: Nintendo Switch

A nova plataforma da fabricante japonesa tenta conciliar em um único aparelho uma experiência portátil e um console tradicional

Após meses de mistério e uma apresentação oficial que dividiu opiniões, finalmente o Nintendo Switch está entre nós. O novo console chega às lojas com uma proposta diferente da concorrência e com a dura missão de colocar a empresa “de volta nos trilhos” após o desempenho comercial decepcionante do Wii U.

Leia mais…

via Novidades do TecMundo

Nintendo Switch pode já ter sido hackeado

Nintendo Switch

O novo console Nintendo Switch chegou ao mercado há apenas pouco mais de uma semana, mas o período pode já ter sido tempo o suficiente para o dispositivo ser hackeado.

Neste sábado (11), o conhecido hacker qwertyoruiop postou em seu Twitter uma imagem de um Switch com a mensagem "Done" ("Feito", em inglês") na tela, o que supostamente indicaria que o código fonte do console já teria sido acessado e mudificado pelo hacker.

De acordo com o hacker, a invasão do Switch teria sido realizada através da exploração de uma falha no navegador interno do console – uma aplicação carregada de fábrica no Switch, mas ainda está escondida de usuários.

Imagem postada por qwertyoruiop mostra o suposto hack no dispositivo da Nintendo (foto: Reprodução)

qwertyoruiop, que é conhecido por ter burlado a segurança de múltiplas versões do sistema operacional iOS e também do console PlayStation 4, afirmou que utilizou um Webkit para Jailbreak de iPhones no hack, bastando apenas algumas alterações no programa para conseguir acesso ao dispositivo da Nintendo.

O que ainda não está claro é se o hack do console oferecerá algum tipo de ameaça aos usuários finais do sistema ou se essa falha poderá ser explorada por piratas para liberar jogos dentro do Switch.

Questionada sobre o ocorrido, a Nintendo ainda não divulgou nenhum comunicado sobre o suposto hack.

Via: Venture Beat, Twitter

via Canaltech

Franquia Super Smash Bros deve chegar em breve ao Nintendo Switch

Super Smash Bros

Desde o lançamento do Nintendo Switch, no início do mês, Reggie Fils-Aime, chefe de operações da Nintendo America, tem realizado várias entrevistas para debater sobre todas as novidades em torno do novo console da fabricante japonesa.

Depois de anunciar que está trabalhando para trazer serviços de streaming como Netflix e Hulu para o Switch, agora, o executivo está de volta com mais boas notícias aos ansiosos fãs dos games da Nintendo.

Embora não tenha dado uma data de lançamento para tal, Fils-Aime deu a entender, durante uma transmissão ao vivo feita pelo Facebook, que a série Super Smash Bros está chegando em breve ao Nintendo Switch.

“Smash é obviamente uma de nossas franquias mais bem-sucedidas”, afirmou. “O que posso dizer é que, do ponto de vista da nossa filosofia de desenvolvimento, é que queremos ter ao menos uma [de cada] de nossas franquias clássicas”.

O executivo continuou: “Haverá ao menos uma grande experiência de Mario, uma grande experiência de Zelda, então isso você pode esperar e antecipar para algum momento futuro, quem sabe quando todas as nossas franquias vão ser abordadas. Sabemos que os fãs adoram esses games, amam esse conteúdo, então fiquem ligados”, acrescentou.

Fonte: (Via) BGR

via Canaltech