Apple Watch terá prazo estendido para devolução diretamente nas Apple Stores

De acordo com um comunicado interno da Apple dirigido às suas lojas físicas e revendedores autorizados, a Apple oferecerá uma política de devolução estendida de até 45 dias para pedidos de reembolso do Apple Watch para o caso de problemas com as funções de monitoramento cardíaco. O período normal de devolução da empresa é de 14 dias e a extensão do prazo se refere aos Apple Watches Series 1 a Series 4.

Segundo as novas regras, as Apple Stores encaminharão as solicitações de reembolso ao Suporte. Assim, os clientes que requisitarem a devolução após os período normal de duas semanas, precisarão entrar em contato com a Maçã previamente por telefone, e-mail ou bate-papo online. O documento afirma ainda que as Apple Stores não serão obrigadas a inspecionar o dispositivo, bastando o usuário informar que o motivo para a desistência da compra é o mau funcionamento das ferramentas relacionadas ao monitoramento cardíaco.

A FDA informou que, apesar do aplicativo de eletrocardiograma (ECG) e as notificações de ritmo cardíaco sejam recursos regulamentados, a extensão da política de reembolso não é obrigatória. Segundo a Apple, o aplicativo de ECG "não pretende ser um dispositivo de diagnóstico ou substituir métodos tradicionais de tratamento" e "não deve ser usado para monitorar ou rastrear o estado de doença ou mudar a medicação sem primeiro consultar um médico".

via Canaltech

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *