Airbnb começará a projetar e a vender casas em 2019

O Airbnb foi o grande responsável por popularizar o aluguel por temporada no mundo todo e, por conta disso, a empresa tem aproveitando um grande sucesso financeiro em seus 10 anos de existência. Só que, agora, a companhia tem um novo objetivo: projetar e vender casas.

A ideia surgiu do laboratório de inovação da empresa, o Samara, e se transformou em um projeto chamado “Backyard”, quintal em inglês. A companhia quer usar seu conhecimento adquirido ao longo dos anos para ajudar a criar casas que possam ser compartilhadas por meio de sua plataforma de maneira segura e para tender as necessidades de todo tipo de pessoa, especialmente dos donos.

Como exatamente o Airbnb vai fazer isso, ainda não ficou claro. A empresa simplesmente divulgou a ideia em seu site, explicando que seu objetivo é produzir mais casas desse tipo. Não sabemos, contudo, se a empresa vai comprar terrenos e financiar construções com seu próprio dinheiro para, depois, vender as residências à pessoas interessadas em disponibilizar parte delas para aluguel de temporada.

samaraAirbnb pode começar a construir casas pré-fabricadas para diminuir os custos (fonte: Samara)

Uma possibilidade talvez seria o Airbnb desenvolver projetos arquitetônicos gratuitamente para pessoas que já possuem um terreno e desejam construir uma casa pensada para o aluguel por temporada. Essa opção, contudo, não passa de especulação de nossa parte.

Como seria uma casa projetada e construída para compartilhamento? A resposta não é nenhum pouco simples

“Nós começamos com uma pergunta simples: como seria uma casa projetada e construída para compartilhamento. Mas a resposta não é nenhum pouco simples”, disse Joe Gebbia, cofundador do Airbnb, em um comunicado oficial.

Segundo Gebbia, o mercado de construção civil deve evoluir muito até 2060 serão levantados 225 bilhões de metros quadrados em residências em todo o mundo. Isso é como se, a cada semana até 2060, fosse construída uma Paris inteira no planeta.

Por conta disso, o executivo acredita que, eventualmente, o negócio de construção do Airbnb se tornará mais importante para a empresa do que o aluguel por temporada propriamente dito.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *