Volkswagen vai concorrer com Tesla vendendo carro elétrico de US$ 23 mil

Tudo sobre

Volkswagen


Segundo relata uma fonte da agência de notícias Reuters ligada à Volkswagen (VW), a empresa está se preparando para discutir o projeto comercial por trás de seu carro elétrico — ainda sem nome e sem anúncio — em 16 de novembro, durante uma reunião do conselho de diretores. Dentre os detalhes a serem firmados na ocasião, estão os rumores de preço e produção do veículo elétrico: a VW quer oferecer uma opção barateada para tomar parte do mercado da Tesla, com especulações internas falando em 200 mil unidades fabricadas, cada uma custando aproximadamente € 20 mil (ou US$ 22,8 mil).

A fonte ainda fala em converter três fábricas de automóveis movidos a gasolina na Alemanha para atender à demanda de produção dos carros elétricos. Até o momento, especula-se que a VW tenha em mente dois modelos diferenciados: a fábrica que faz o Passat, próxima à sede da montadora em Wolfsburg, deverá ser responsável pela produção do projeto nomeado “I.D. Aero”.

A montadora alemã Volkswagen estuda formas de entrar no mercado de carros elétricos dominado pela Tesla (Imagem: Divulgação/VW)

A prioridade em veículos movidos à eletricidade chega em uma hora não muito favorável à Volskwagen, que foi acusada e comprovada culpada de mentir em testes de emissão de poluentes de seus veículos movidos a gasolina e diesel no último ano. Com a imagem fragmentada por isso, a montadora busca dar a volta por cima ao inserir-se antecipadamente em um mercado que, hoje, é dominado pela americana Tesla Motors, de Elon Musk. Mais além, diversas cidades e grandes centros da Europa começaram a banir o uso de motores a diesel e outros combustíveis fósseis, forçando fabricantes a criarem novos produtos a fim de abraçar essa questão pública.

Assista Agora: Nunca mais contrate funcionários para sua empresa! Comece o ano em uma realidade completamente diferente!

A Volkswagen, especula-se, teria firmado parceria com a fabricante de células de bateria SK Innovation, além de supostos desenvolvimentos conjuntos com a rival americana Ford.

Fonte: Reuters

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

via Canaltech

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *