Square Enix confirma o fim de produção da edição de PC de Final Fantasy XV

Mais uma notícia ruim para os fãs de Final Fantasy XV. Depois de anunciar o cancelamento de três dos quatro DLCs episódicos do jogo, bem como o prejuízo de US$ 33 milhões vindo do estúdio interno Luminous e a demissão/renúncia do diretor do jogo, Hajime Tabata, a Square Enix confirmou que a versão do game para desktops e laptops, Final Fantasy XV: Royal Edition PC, terá sua produção descontinuada em caráter permanente, após o lançamento do último extra, Episódio Ardyn.

Desde o começo de 2018, havia a promessa de que a versão PC de Final Fantasy XV ganharia recursos de edição e customização de ambientes (uma espécie de “level editor”), além de suporte à tecnologia antiserrilhado DLSS da Nvidia, bem como a API gráfica Vulcan. Tudo isso estava sob responsabilidade do estúdio Luminous e encabeçado pelo próprio Tabata. Porém, Tabata deixou a Square Enix e o Luminous, ainda que postulando um prejuízo milionário, foi remanejado pela publisher japonesa para o desenvolvimento de um novo blockbuster não anunciado.

Com isso, mais o anúncio da descontinuidade de produção da edição PC de Final Fantasy XV, o futuro destes três recursos, mesmo que a Square Enix não tenha falado especificamente neles, torna-se sepultado.

Assista Agora: Gestor, descubra os 5 problemas que suas concorrentes certamente terão em 2019. Comece 2019 em uma nova realidade.

Versão PC de Final Fantasy XV terá sua produção permanentemente descontinuada: recursos anunciados antes, como suporte a Vulkan e DLSS e o editor de níveis, estão enterrados (Imagem: Divulgação/Square Enix)

Nesta quinta-feira (8), a empresa aproveitou para anunciar três novos conteúdos extras a serem distribuídos aos jogadores de Final Fantasy XV nas versões para console: Episódio Ardyn, ligado diretamente à história principal do jogo e que também chegará ao PC, coloca o usuário na pele do principal vilão do título, a fim de preencher espaços de enredo sobre a sua motivação e como Ardyn tornou-se a entidade superpoderosa que vimos no enredo principal.

Aventureira de um Outro Mundo é um evento colaborativo com o multiplayer Final Fantasy XIV, que coloca o grupo liderado por Noctis frente a frente com a personagem Miqo’te, enquanto caçam o famigerado monstro Primal Garuda. Por fim, uma edição avulsa do modo multiplayer Comrades será vendida no varejo, trazendo uma atualização com 10 novas quests de monstros a serem caçados (a atual versão de Comrades será atualizada via patch gratuito para quem já a comprou).

Fonte: DSOGaming

via Canaltech

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *