O Android será compatível de forma nativa nativa com aparelhos de telas dobráveis

O Google anunciou, durante o Android Developer Summit que acontece hoje (7) na cidade californiana de Mountain View, que o Android poderá funcionar em dispositivos de tela dobrável de forma nativa. Isso significa que os fabricantes não serão obrigados a criar formas de moldar o Android ao novo tipo de interface destes gadgets.

Coincidência ou não, hoje a Samsung anunciou seu primeiro aparelho que tem tela que dobra feito papel, aumentando a área da interface e tornando um smartphone em um tablet de pequenas proporções. Durante o anúncio, o Google também tocou no assunto e afirmou que já trabalha em formas para deixar o Android aproveitar melhor o novo tipo de display.

Tanto o Google, como a Samsung estão trabalhando juntos para que esta nova interface faça parte do próprio sistema e não de uma fabricante – o que, se não acontecer, só aumenta a já grande fragmentação do Android que o próprio gigante das buscas tenta remediar.

Em resumo, as mudanças permitem que um aplicativo utilize a tela (dobrada ou aberta) para exibir o conteúdo de forma diferente. É exatamente a mesma coisa que já acontece hoje, quando o app muda a visualização do conteúdo quando está em modo paisagem, deitado, ou em modo retrato, que é de pé.

Modelo da Samsung já funciona com a tela dobrável

Sem o suporte nativo, fabricantes precisam alterar profundamente o Android para que ele funcione desta forma e isso tende a trazer problemas com a compatibilidade de apps que não passaram pela maquiagem da empresa.

O Google ainda comentou que os primeiros smartphones dobráveis aparecerão no começo do ano que vem, então prepare sua expectativa para a CES em janeiro e a MWC, que acontece em fevereiro.

Com informações: The Verge.

O Android será compatível de forma nativa nativa com aparelhos de telas dobráveis

via Tecnoblog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *