Fonte ligada à Apple nega negociação pacífica com a Qualcomm

A Apple e a Qualcomm devem resolver suas acusações somente no tribunal. As duas enfrentam rusgas desde o ano passado por conta de royalties relacionados a patentes usadas nos modelos mais recentes de iPhones e iPads. Em junho deste ano, o CEO da Qualcomm, Steve Mollenkopf, chegou a falar para investidores que estava em conversas com a Apple para resolver os problemas de forma pacífica entre as empresa. Contudo, agora, uma fonte revelou à Reuters que não há discussão em andamento.

“Não há absolutamente nenhuma discussão significativa entre nós e a Qualcomm, e não há nenhum acordo em vista. Estamos nos preparando para o julgamento”, informou a fonte à agência de notícia.

No ano passado, a Apple processou a Qualcomm, acusando a empresa de usar sua propriedade intelectual para intimidar os clientes a pagar royalties excessivos. Com isso, a Maçã parou de pagar seus royalties à Qualcomm. Segundo a fabricante de semicondutores, a Apple deve mais de US$ 7 bilhões em patentes.

A empresa liderada por Tim Cook também é acusada de ter passado segredos industriais sob sigilo para melhorar os modems usados nos iPhones recentes. Atualmente, a Apple tem usado peças da Intel para seus smartphones mais novos, como em algumas versões do iPhone 7 e ambos iPhone Xs e Xr.

via Canaltech

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *