5 imagens bizarras do Google Maps com explicações perfeitamente banais

Uma das atividades mais comuns da internet é ficar procurando por cenas bizarras no Google Maps. Há diversas imagens realmente estranhas e assustadoras, como pessoas armadas se aproximando do carro que tira fotos para o Street View ou uma rua onde todas as pessoas estão vestindo máscaras de pombo. Mas, ainda que não faltem bizarrices reais no programa, algumas delas podem ser facilmente explicadas.

Portal para outra dimensão

Uma imagem feita em 2017 na ponte de Manhattan fez com que muita gente acreditasse que as cores psicodélicas dela fossem um indicativo de que o carro da Google havia passado para uma outra dimensão e tirado fotos dessa transição, mas a verdade é muito mais simples (e chata) do que isso. As cores e granulação da imagem são apenas frutos da falta de iluminação no momento em que a foto foi tirada, fazendo com que a imagem revelada ficasse bizarra.

Acidente trágico

Ao passear pelo Lago Harriet, em Minnesota, é possível ver a imagem de um avião que parece estar dentro do lago. Mas como que ele foi parar lá dentro? Terá sido um acidente, ou existe uma base militar secreta dentro do lago que rapta aviões comerciais? Nem um nem outro. Esse é apenas um efeito colateral de como a Google processa as imagens de satélites. Cada imagem mostrada no mapa não é uma foto individual, mas um compilado de diversas fotos tiradas por diferentes satélites naquele coordenada específica. O que acontece é que, às vezes, acontece de passar um avião no momento em que um das fotos está sendo tirada, e na hora de juntar todas as imagens para compor o que será mostrado no Maps, esse avião acaba aparecendo meio apagado, o que, nesse local em específico, dá a impressão de que ele está dentro da água.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Aparição demoníaca

Essa imagem foi tirada aqui mesmo no Brasil, na Avenida Osmar Cunha, em Florianópolis. Datada de outubro de 2013, ela mostra o que parece ser uma silhueta demoníaca, mas na verdade é algo bem mais problemático do que espíritos e criaturas do mal. O que aconteceu é que o operador do carro da Google esqueceu de tirar a tampinha da câmera, e o que parece a silhueta de um espírito nada mais é do que uma pequena quantidade de luz que passou pelas frestas que se abriam pelo movimento do carro.

Um fantasma no museu

Muitas pessoas acham que essa foto, tirada dentro do Museu de Arte de Singapura em maio de 2015 é a prova cabal de que fantasmas realmente existem. Mas, na verdade, a única coisa que ela prova é que pessoas visitam museus. O que acontece é que, para o Street View, a Google utiliza uma série de fotos tiradas por um veículo em movimento, e então um programa processa todas as imagens tiradas e as trasformam numa grande panorâmica. Então, quando uma pessoa passa andando rapidamente pelo local enquanto as fotos são tiradas, o resultado final pode mostrar apenas pedaços do corpo dela, como é possível ver nesta imagem

O Lado Aposentado da Força

Ao contrário das outras, esta daqui não tem nenhum segredo: é só um morador de Rotorua, na Nova Zelândia, que viu que o carro da Google estava passando na rua e resolveu fazer graça aparecendo na frente de casa com uma roupão e uma máscara do Darth Vader. Mas é bom ver que, apesar dos defeitos, o Lado Negro da Força possui consciência ambiental e se preocupa com reciclar o lixo da casa.

Fonte: Google Blog

via Canaltech

Publicado por Carlos Trentini

Eu, eu mesmo e eu, agora e nas horas vagas...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *