Usuários gastaram US$ 11,5 bi na App Store, 95% a mais do que na Google Play

De acordo com dados do AppAnnie, a Play Store, loja de aplicativos do Android, já oferece 145% mais apps em todo o mundo, e, somente no último trimestre, a oferta de apps nesta loja e também na App Store, da Apple, ficou na casa dos 27 bilhões, com um crescimento de 7% em comparação com o ano anterior.

E a receita obtida com vendas de apps cresceu ainda mais (20% em relação a 2016), com um total de US$ 17 bilhões. E desse total, US$ 11,5 bi foram gastos somente na App Store, deixando os US$ 5,5 bi restantes para a Play Store, mesmo que a loja da Google ofereça quase 1,5 vez mais apps do que a Apple.

Isso pode ser explicado pelo fato de que a Apple se esforçou bastante ao reformular a App Store no ano passado, construindo uma valiosa base de clientes fiéis, que não se importam em pagar uns trocados em aplicativos eficientes e confiáveis. Ainda segundo o AppAnnie, o app que rendeu mais gastos de usuários do iOS foi o da Netflix, líder no segmento de streaming de filmes e séries.

Os dados também indicam que os usuários de Android são significativamente menos propensos a pagar para baixar aplicativos, até porque, para esse sistema operacional, vários apps pagos, que são populares no iOS, acabam vendo apps similares alternativos criados por terceiros, e, por serem gratuitos, atraem os usuários que querem desfrutar daquelas funcionalidades, mas não querem pagar nada por isso.

via Canaltech

Publicado por Carlos Trentini

Eu, eu mesmo e eu, agora e nas horas vagas...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *