Spotify decide remover de seu catálogo funk que contém apologia ao estupro

O funk Só Surubinha de Leve, de autoria do Mc Diguinho, ainda está disponível no acervo do Spotify, mas, segundo pronunciamento da plataforma de streaming de músicas, foi solicitado à distribuidora responsável pelo hit que deve dominar o Carnaval de 2018 que o título fosse retirado do catálogo, o que deve acontecer dentro de algumas horas.

O motivo do pedido foi que muita gente ficou incomodada com um trecho da letra do funk, que diz: "Só uma surubinha de leve com essas filha da p***, taca bebida, depois taca a p*** e abandona na rua", devido à alusão a estupro de pessoas alcoolizadas, momentaneamente incapazes de consentimento. 

Ainda disponível, hit será removido do acervo em breve

A música chegou a entrar na playlist de músicas mais ouvidas no Spotify, a Top Viral, após o pico de consumo percebido nos últimos dias, que inclusive deve ter sido causado pela comoção e polêmica que a letra causou nas redes sociais.

Em contato com um porta-voz do Spotify no Brasil, a redação do Canaltech obteve a seguinte informação: "O responsável pela inclusão das músicas na plataforma são as gravadoras, distribuidoras e os artistas, então eles também são responsáveis pela exclusão da música. Assim sendo, entramos em contato com essa distribuidora e relatamos o ocorrido”, sem especificar qual gravadora ou distribuidora é responsável pelo título controverso.

Ainda, o serviço de streaming fez questão de frisar que “o catálogo do Spotify é abastecido por centenas de milhares de gravadoras, artistas e distribuidoras em todo o mundo; eles são devidamente avisados sobre nossas diretrizes e são responsáveis pelo conteúdo que entregam".

via Canaltech

Publicado por Carlos Trentini

Eu, eu mesmo e eu, agora e nas horas vagas...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *