App contraceptivo Natural Cycles vai ser investigado por casos de gravidez indesejada

A busca por um método contraceptivo eficaz e seguro para a saúde faz o Natural Cycles ser sucesso em vários países. O app aponta os dias férteis para que a mulher consiga evita a gravidez e, de acordo com os desenvolvedores, funciona tão bem quanto pílulas anticoncepcionais. Mas, depois que 37 usuárias do Natural Cycles ficaram grávidas na Suécia, as autoridades locais decidiram investigar a ferramenta.

Natural Cycles

Disponível para Android e iOS, o app analisa a temperatura corporal da mulher para dizer em qual altura do período fértil ela está e marca como verdes os dias em que é possível ter relações sexuais e não engravidar. Para isso, a mulher precisa fazer medições com um termômetro basal todos os dias pela manhã.

Dá para confiar em um aplicativo como método contraceptivo? A Natural Cycles afirma que o app que leva o seu nome tem eficácia de 99% em condições de uso perfeito, quando a mulher aplica a ferramenta de maneira correta e consistente no seu dia a dia. Além disso, a empresa destaca que o app é o único do tipo certificado como contraceptivo em alguns países da Europa.

Mas a Agência Sueca de Produtos Médicos decidiu dar uma olhada cuidadosa no aplicativo. Isso porque um hospital de Estocolmo reportou ao governo que, entre setembro e dezembro de 2017, 37 de 668 mulheres que buscaram orientação médica para aborto na instituição declararam que usavam o Natural Cycles para prevenir a gravidez.

Natural Cycles

Com a investigação, as autoridades suecas querem descobrir se o aplicativo realmente tem o nível de eficácia prometido e se pode ser considerado um método contraceptivo confiável, afinal, o número de gravidezes indesejadas pode ser muito maior, pois os 37 casos reportados se referem a um único hospital.

A Natural Cycles já se defende. Um representante da empresa argumentou que nenhum tipo de contracepção é 100% eficaz e que, além disso, é de se esperar que os casos de gravidez indesejada aumentem à medida que o número de usuárias do aplicativo fica maior. A empresa também enfatiza que o app é direcionado a mulheres com 18 anos de idade ou mais.

O aplicativo tem cerca de 600 mil usuárias atualmente, de acordo com estimativas da própria Natural Cycles. O serviço é pago. Há planos de US$ 49,99 anuais e US$ 6,90 por mês.

Com informações: Engadget.

App contraceptivo Natural Cycles vai ser investigado por casos de gravidez indesejada

via Tecnoblog

Publicado por Carlos Trentini

Eu, eu mesmo e eu, agora e nas horas vagas...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *