Diretor de “The Last of Us” e “Uncharted 4” está deixando desenvolvedora

Bruce Straley, uma das mentes brilhantes da Naughty Dog e codiretor de jogos consagrados como The Last of Us e Uncharted 4: A Thief’s End, está deixando a produtora. Em um post emocionado publicado no site da companhia, ele anuncia sua saída após 18 anos de trabalhos com ela, afirmando que a decisão foi uma das mais difíceis de toda a sua carreira.

Apesar disso, conta que a escolha pela saída também surgiu para ele de maneira natural. Ainda na Naughty Dog, ele emendou a direção de três projetos gigantescos – Uncharted 2: Among Thieves, de 2009; The Last of Us, de 2013; e Uncharted 4: A Thief’s End, o maior título já lançado pela companhia, do ano passado. Depois disso, decidiu tomar um ano sabático e foi aí que ele se viu focando em outras coisas e encontrou sinais de que era hora de seguir em frente.

O designer disse que vai continuar na indústria criativa, mas não confirmou seus planos para o futuro nem revelou se eles estão relacionados aos games. Ele iniciou em 1999 na Naughty Dog como um artista, trabalhando nas texturas do game de corrida Crash Team Racing, ainda no primeiro PlayStation. Na época, a empresa tinha apenas 15 funcionários, que ele cita como “as pessoas mais talentosas e apaixonadas dessa indústria”.

Hoje, a desenvolvedora é uma das mais importantes da indústria de jogos, acumulando prêmios de Jogo do Ano e sendo uma das principais parceiras exclusivas da Sony no desenvolvimento de títulos para os consoles PlayStation. Straley cita o momento atual como o mais forte da história da Naughty Dog e agradece pelos anos que o “Canil”, como os funcionários de auto-intitulam, se manteve unido a seu lado.

Além disso, ele estende seu obrigado também aos fãs, que considera os verdadeiros responsáveis por levar a Naughty Dog ao posto que ela ocupa hoje. O designer, agora, diz se unir a eles no hype pela próxima “obra-prima” a sair das mãos do estúdio.

Por mais que a saída de Straley soe como uma surpresa para a indústria e seus fãs, ela não necessariamente é inesperada. Como já dito, ele passava por um período sabático após anos de trabalho intenso com as duas principais franquias da empresa. Ele já havia revelado, por exemplo, não estar envolvido com The Last of Us: Parte Dois, sequência do título de horror de sobrevivência que ainda não tem data para ser lançado e é um dos grandes projetos atuais – e também o único anunciado – da Naughty Dog.

via Canaltech

Deixe uma resposta