Fonte Calibri pode causar a queda de primeiro ministro do Paquistão

O uso de uma das mais famosas fontes de texto da atualidade pode resultar em um dos mais bizarros processos políticos, que pode chegar ao ponto de derrubar o primeiro ministro do Paquistão, Nawaz Sharif.

Tudo começou com uma investigação feita para examinar os bens do primeiro ministro e sua família, sob a alegação de que Maryam Nawaz, filha do político e possível sucessora ao cargo, teriam forjado documentos que “provavam” a posse de propriedades no exterior. Os documentos encontrados, por sua vez, estavam todos escritos na fonte Calibri, segundo o site Engadget.

Por que isso geraria um escândalo de proporções tão absurdas? Simples: os documentos, segundo a perícia, datam de 2006, mas a fonte usada neles só teria se tornado padrão do pacote Office em 2007.

Antes que todos deem o caso como encerrado, vale notar que a prova não é cabal. Isso porque a Calibri já existia desde antes de 2007, estando disponível para download no site oficial da Microsoft ainda em 2005, por exemplo.

No entanto, mesmo o próprio criador da fonte acha difícil de acreditar nessa história. “Por que alguém usaria uma fonte completamente desconhecida para um documento oficial em 2006?” questionou Lucas de Groot ao jornal inglês Dawn. Resta agora aguardar para ver para que lado da história os juízes vão pender nesse julgamento.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta