Mais de 8 milhões de celulares estão bloqueados no Brasil

De acordo com o SindiTelebrasil, o Brasil possui mais de 8,3 milhões de celulares bloqueados via IMEI (número universal de identificação de um telefone celular). O número teve um crescimento de 34% quando comparado com 2015, que registrou 6,19 milhões.

O bloqueio via IMEI acontece, principalmente, por três causas: roubo, furto ou aparelho perdido — o bloqueio é realizado mediante solicitação do usuário à operadora. Após o bloqueio, os celulares não conseguem mais se conectar via redes móveis ou realizar ligações, se tornando praticamente inutilizável.

  • Para encontrar o IMEI do seu smartphone: busque na caixa do produto, pergunte para a operadora ou digite *#06# no telefone

Segundo o pessoal do Mobile Time, o “grande problema é que existem formas de adulterar o IMEI, o que acaba viabilizando o mercado negro de celulares roubados. Ao mesmo tempo, os fabricantes enfrentam outro problema: a venda no país de aparelhos não homologados pela Anatel”. Por isso, existe uma batalha entre operadoras, fabricantes e Anatel dentro deste contexto. “As operadoras, por sua vez, pressionam os fabricantes a adotarem mecanismos mais eficientes para se evitar a adulteração do IMEI. A Anatel decidiu que o bloqueio de celulares não homologados deve começar a partir de outubro e somente para os novos que tentarem acessar a rede”, notam.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta