Suporte mainstream ao Windows Phone 8.1 será encerrado amanhã (11)

Ainda não fica bem clara qual a estratégia da Microsoft para o universo mobile. Apesar de não anunciar oficialmente o cancelamento definitivo de sua empreitada no ramo dos smartphones, a MS não apresenta grandes novidades há um bom tempo e deixa seus usuários com aquela sensação de abandono.

Agora, conforme programado, a Microsoft vai deixar de oferecer suporte mainstream ao Windows Phone 8.1 a partir desta terça-feira (11). Atualmente, 70% dos smartphones com Windows utilizam esta versão do sistema, mas a fabricante recomenda que os usuários atualizem os seus portáteis para o Windows 10 Mobile.

A companhia já havia sugerido a vários de seus consumidores que migrassem para a versão mais recente de seu sistema mobile, mas nunca forçou a atualização, como aconteceu no PC. Inclusive, muita gente sequer sabia que seu dispositivo poderia ser atualizado, pois era preciso ir até à Windows Store e baixar o app Supervisor de Atualização para isso.

Windows Phone 8.1 rumo ao cemitério?

A informação sobre o fim do suporte mainstream pode causar algumas confusões, mas o panorama não é tão desesperador quanto parece. Esse tipo de anúncio apenas afirma que o Windows Phone 8.1 não receberá mais novos recursos, mas patches com ajustes de segurança, por exemplo, ainda serão lançados para o sistema.

A última grande atualização recebida pelo Windows Phone 8.1 foi a Lumia Denim, lançada em dezembro de 2014. De lá para cá, porém, essa versão do SO apenas recebeu pacotes de segurança e não ganhou qualquer grande novidade. Ou seja, o fim do suporte mainstream apenas oficializa algo que já acontecia na prática.

Atualizar para o Windows 10 Mobile

Em seu site oficial, a Microsoft revela que “a disponibilidade do Windows 10 Mobile como uma atualização para dispositivos com Windows Phone 8.1 varia de acordo com o fabricante do dispositivo, o modelo, o país ou a região, a operadora móvel ou o provedor de serviços, as limitações de hardware e outros fatores”, então, é provável que nem todo mundo tenha a possibilidade de realizar o upgrade.

Para verificar se o seu dispositivo é compatível, a Microsoft recomenda que você entre em contato com o fabricante ou recorra ao Supervisor de Atualização, disponível gratuitamente para download.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta