Vazamento mostra que Meizu tem concorrente de peso para o Xiaomi Mi Mix

Embora muitas fabricantes estejam apostando em novas proporções de tela e bordas mínimas para valorizar o espaço em seus celulares, parece que a Xiaomi é o grande alvo da Meizu com seu novo projeto. Graças a imagens vazadas na web, ficamos sabendo que a fabricante chinesa pode ter muito em breve a sua própria versão do belíssimo Mi Mix.

A foto praticamente confirma um rumor disseminado recentemente por Jack Wong, o chefão da Meizu, e indica que a marca pode ter deixado de lado a sua recorrente inspiração nos aparelhos da Apple para bater de frente com sua competidora local. Afinal, estamos falando de um smartphone que, conforme mostram as fotos abaixo, traz um espaço assustadoramente amplo para o display – inclusive movendo alguns elementos de lugar para abrigar a peça.

Frente do aparelho

No clique que mostra a parte frontal do dispositivo, por exemplo, é possível perceber que a fabricante trouxe a selfie cam para a porção inferior do gadget – aproveitando melhor a única borda mais encorpada que restou no projeto. No verso do celular, temos o kit padrão de muitos flagships da atualidade: câmera dupla na vertical, flash duotone e leitor de impressões digitais.

Parte traseira

Como o jeitão dele não é muito próximo de equipamentos anteriores da marca e a tela gigantesca é o grande destaque do projeto, fica claro que a Meizu pode sim estar trabalhando em um concorrente à altura do Xiaomi Mi Mix – e provavelmente de sua segunda versão, que ainda não foi anunciada oficialmente, mas já conta com múltiplos vazamentos.

Detalhes e expectativas

O site Android Headlines conseguiu tecer algumas especulações em cima das imagens do celular misterioso. Muito provavelmente ele é mais robusto que o normal, com carcaça de metal e tamanho mais próximo dos phablets, e terá entre as suas opções de cor o combo vermelho e branco – o que deve despertar a ira da mesma galera que odiou essa combinação no iPhone 7 feito em parceria com a Product RED.

Em relação a hardware, a suposição é apenas que o aparelho deve ter mais de 5,5 polegadas, portar ao menos 4 GB de RAM e rodar a interface Flyme OS por cima do Android Nougat. A fonte que postou as fotos na web afirma apenas o preço do brinquedinho: ele deve chegar ao mercado chinês por cerca de US$ 586 (pouco mais de R$ 1,9 mil). E aí, gostaria de ter um desses ou prefere esperar pelo Meizu PRO 7?

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta