Versão de 4 GB de RAM do Nokia 9 pode ter sido cancelada

O Nokia 9 já tem substância para bater de frente com os principais smartphones do mundo, ao menos no que diz respeito aos rumores. Com as principais conversas sobre o gadget antecipando um aparelho com hardware capaz de rivalizar com o S8, aos poucos, novas informações “quase oficiais” sobre o portátil começam a ganhar corpo. A mais recente envolve o possível cancelamento da versão com 4 GB de RAM.

Segundo aparece no site da FCC, a agência que regulamenta o mercado de telecomunicações nos Estados Unidos (a Anatel de lá), a HMD, atual dona da Nokia, teria solicitado a transferência dos dados de testes do modelo TA-1004 para o modelo TA-1012. Como justificativa, a companhia alega que o modelo atualmente certificado como TA-1004 será lançado como TA-1012, sem qualquer alteração de desempenho que interfira nos resultados dos testes.

Nokia 9 não deve contar com modelo de 4 GB de memória RAM, apostando apenas em versões ainda mais potentes

O modelo TA-1004 era justamente o de 4 GB, o que indica mesmo que o Nokia 9 deve vir com hardware poderoso para bater de frente com os principais lançamentos de 2017. Dessa forma, a informação de que a HMD abandonou o modelo “mais fraco” do Nokia 9 reforça a ideia de que o dispositivo pode trazer até 8 GB de RAM, além de Snapdragon 835 e até 128 GB para armazenamento interno.

Apesar disso, há ainda rumores de que o aparelho pode vir com 6 GB de RAM e apenas metade dos gigabytes disponíveis para armazenamento. Então, fica difícil responder se o próximo aparelho da Nokia terá duas versões para competir em diferentes faixas de preço ou se virá com tudo o que puder de melhor para enfrentar Galaxy S8+, iPhone 8, LG G6 e toda a horda de bons aparelhos chineses de 2017. O Nokia 9 deve ser lançado no terceiro trimestre deste ano.

via Novidades do TecMundo

Deixe uma resposta