Carros voadores devem chegar ao mercado até o final do ano

Carros voadores devem chegar ao mercado até o final do ano


Por
Redação

| em

25.04.2017 às 19h14

Andressa Neves

kitty hawk

Se você sempre sonhou em ter um carro voador, saiba que o que era considerado ficção científica há alguns anos se tornará, finalmente, realidade. Mais de uma dúzia de empresas iniciantes, apoiadas por figuras importantes da indústria, como Larry Page, fundador do Google — juntamente com grandes empresas aeroespaciais, como a Airbus, a Uber e até mesmo o governo de Dubai — estão trabalhando para trazer os carros voadores para o mercado.

Apesar do interesse em comum, alguns projetos estão mais avançados que outros. De acordo com informações divulgadas nesta terça-feira (25) por Larry Page, até o final do ano os veículos estarão disponíveis para o público através de seu projeto Kitty Hawk. A expectativa é de que a startup fabrique diversos modelos de carros voadores, que poderão pagar US$ 100 para se inscrever para entrar na fila da compra. O pagamento também prevê um desconto de US$ 2.000 no preço de um dos veículos e acesso exclusivo a experiências promovidas pela Kitty Hawk.

Um teste feito com o veículo mostra um dos protótipos em funcionamento. Alimentado com uma bateria e oito hélices, tudo indica que o carro voador poderá ser pilotado sem a necessidade de licença especial para aviação dos Estados Unidos. Com isso, aparentemente a companhia só terá um problema: se nem os drones conseguiram ser regulamentados, será que os veículos voadores receberão autorização para voar em locais movimentados?

Há desafios, sem dúvida, com a tecnologia em relação aos regulamentos governamentais, mas talvez o maior desafio de Larry Page seja convencer o público de que voar por aí de forma simples é possível. Quer ver o Kitty Hawk Flyer em ação? Confira o vídeo.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=mMWh4W1C2PM]

Fonte: The New York Times

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!

via Canaltech

Publicado por Carlos Trentini

Eu, eu mesmo e eu, agora e nas horas vagas...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *