A empresa Axiom Space, uma startup com base em Houston, no Texas, pretende construir a primeira estação espacial preparada para receber visitantes comerciais

A Estação Espacial Internacional (ISS) é uma estrutura incrível que orbita a Terra e serve de local de testes para uma porção de experimentos científicos importantes para o desenvolvimento de inúmeras áreas da ciência. Diversos astronautas já visitaram a ISS e tiveram o privilégio de apreciar a vista do espaço e a sensação de estar fora da atmosfera de nosso planeta.

Sendo cada vez mais fácil e barato (apesar de ainda estar longe de ser realmente barato) mandar pessoas para o espaço, diversos planos de enviar pessoas comercialmente para fora da atmosfera começaram a surgir, com diversas empresas imaginando como poderiam ser feitos voos comerciais seguros e lucrativos para quem tiver uma boa grana sobrando e vontade de ver a Terra azulzinha como Iuri Gagarin fez em 1961.

Ver a Terra do espaço: não é para qualquer um… ainda

Exploração espacial

Com isso em mente, a empresa Axiom Space, uma startup com base em Houston, no Texas, pretende construir a primeira estação espacial preparada para receber visitantes comerciais. Seu custo seria de US$ 1,5 bilhões de dólares, cerca de R$ 4,7 bilhões, apenas 1,5% do que foi gasto na ISS. A ideia é que essa estrutura seja extremamente econômica e utilize uma arquitetura espacial muito mais prática e barata do que foi feito com a estação atual – que já tem data para ser desativada: 2024.

Além dos aficionados pelo espaço com muito dinheiro no bolso, vão estar pesquisadores e astronautas, da mesma forma que acontece hoje com a ISS

A instalação inicial dessa estação espacial comercial deve ser feita com a ajuda da ISS, acoplando um módulo nela antes de transformá-la em uma estrutura independente que vai poder receber até sete pessoas simultaneamente. Entre os visitantes, além dos aficionados pelo espaço com muito dinheiro no bolso, vão estar pesquisadores e astronautas, da mesma forma que acontece hoje com a ISS.

Vista interna da ISS

Tem espaço para todo mundo!

Essa nova estrutura vai atender de tudo: empresas particulares, instituições governamentais de diversos países, pesquisas e estudos científicos e, claro, turistas espaciais de todos os lugares do mundo.

Já o dinheiro necessário para bancar a construção da estação – que mesmo sendo muito menos que da ISS ainda é bastante grana – a Axiom afirma que já possui capital suficiente para iniciar todo o projeto e ainda manter a companhia por alguns anos. Nos resta esperar e ver se isso vai realmente sair do papel e se poderemos passear no espaço algum com a facilidade com a qual viajamos para outro país.