Existe diferença entre vídeo em streaming e “on demand”?

Será que estes dois conceitos são realmente diferentes ou estão apenas sendo usados erroneamente?

Todo mundo assiste a vídeos na internet. Seja na Netflix, no YouTube ou em qualquer outro serviço similar, a verdade é que é bem difícil encontrar alguém que não gaste pelo menos alguns minutinhos na semana com pequenos filmes de humor, séries variadas, obras cinematográficas de sucesso ou clipes musicais.

Mas aí surge a dúvida… Estes serviços de vídeos são considerados “streaming”? São “on demand”? Afinal de contas, será que existe diferença entre esses dois conceitos?

Leia mais…

via Novidades do TecMundo

Publicado por Carlos Trentini

Eu, eu mesmo e eu, agora e nas horas vagas...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *